Mãe adotiva tem ideia maravilhosa para trabalho de escola da filha que pediram “foto da barriga”

Esta matéria foi publicada originalmente no site Tudo Sobre Minha Mãe e gostaríamos de dividir com vocês.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Algumas situações nos apresentam desafios, mas Junya Sant Anna, soube lidar com amor e criatividade quando sua filha adotiva, Bárbara, chegou em casa dizendo de um trabalho escolar que ela teria que fazer. O trabalho consistia em fazer um álbum de fotos da mãe grávida, dela recém nascida, do momento do nascimento e outros fatos marcantes de sua primeira infância.

A solução para as fotos de grávida foi recortar um buraco em uma velha camiseta branca, fazer a filha “entrar” no buraco e fazer uma foto de frente para o espelho. Dessa maneira, pareceu que Bárbara estava na barriga da mãe. A maneira bem humorada de fazer esse trabalho mostra que, elas já estão acostumadas a levar a vida de um jeito leve e otimista: “Eu tirando a foto e ela morrendo de rir em frente ao espelho”, disse Junya ao site Tudo Sobre Minha Mãe.

Relacionado: Bebê de 2 anos grita “papai” após fim do processo de adoção

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde muito pequena, Bárbara sabe que é adotada e, elas sempre conversaram muito abertamente sobre o assunto. A solução de ser verdadeira já faz parte da realidade das duas: “A minha solução foi ser verdadeira como eu sempre fui. Nós sempre rezamos pela outra mãe dela. E eu sempre repito que ela teve muita sorte por ter tido 2 mães”.

Junya é microempresária e passou 5 anos fazendo tratamento para engravidar, na época em que ainda era casada. Depois de várias tentativas frustradas, ela decidiu entrar na fila para adoção, contra a vontade do marido. Algum tempo depois eles se separaram, mas ela continuou na fila e, após 3 anos, Bárbara chegou, quando ela ainda não tinha nem berço em casa.

A vida sempre nos surpreende e, quando Bárbara não tinha nem um ano de idade, Junya acabou engravidando sem querer, de um ex namorado, quando tinha 44 anos. Hoje, eles já não estão mais juntos, mas ele é um excelente pai, para as duas meninas. Junya afirma que, de vez em quando, sofre algum tipo de preconceito e as pessoas ficam fazendo perguntas por estranharem que, Gabriela, a filha mais nova, é branca, enquanto Bárbara é negra. Mas a solução encontrada por ela, é sempre dando respostas bem humoradas, que desconcertam qualquer um.

O trabalho fez tanto sucesso, que Bárbara se diz orgulhosa de ter sido a única criança que teve o trabalho apresentado pela professora. A questão da adoção é tratada com naturalidade na casa delas. Junya faz questão de dizer à filha, o quão sortuda ela é, por poder ter duas mães e, juntas, sempre rezam pela mãe biológica de Bárbara: “Eu sempre enfatizei dela ter orgulho de quem ela é. Eu não estou criando uma filha coitadinha por ser adotiva. Eu quero criá-la para ser uma mulher forte e independente”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Matéria originalmente publicada no site Tudo Sobre Minha Mãe

Fotos: Junya Sant Anna / arquivo pessoal

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,857,801SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Homem controla a bipolaridade com ajuda da arte e muda o rumo de sua vida

Sabia que o manganês também ajuda a salvar vidas? Este minério faz parte da rotina do artista Edson Luiz Antunes, de 58 anos, que...

Menina confecciona mil máscaras para trocar por alimentos

Neste momento a gente não pode ficar sentado em casa sem fazer nada”, diz Lua, 12 anos, que pretende doar uma tonelada de mantimentos...

42 momentos poderosos de compaixão humana em face da violência

Ao falarmos de guerra, o que mais escutamos são as contagens dos corpos das vítimas, porém apesar de difícil de lembrar, ainda existe uma imensa compaixão humana que prospera em...

Dono de bar e clientes se unem para ajudar vendedor de amendoim que perdeu renda

Toda cidade tem suas noitadas e elas sempre têm aqueles vendedores ambulantes que já são conhecidos dos festeiros e frequentadores de bares. Mas como...

[VÍDEO] Menino tem reação emocionante ao descobrir que se curou do câncer

Benjamin, de sete anos, era só alegria quando a mãe chegou em casa com a notícia de que ele tinha vencido a batalha contra...

Instagram