Filho é levantado por caminhão de bombeiros para se despedir da mãe pela janela do asilo

Scott Wolf queria muito se despedir da mãe dele, que morava em um asilo e estava morrendo. Só que as medidas de segurança do coronavírus não permitiram isso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi quando Sarah Petty, coordenadora da casa, buscou um jeito de ele fazer isso: pediu ajuda aos bombeiros.

filho ajuda bombeiros

Jean Wolf, de 94 anos, é uma professora aposentada e vivia no asilo Circle Retirement Community em Bridgewater, na Virgínia (EUA).

Por causa do coronavírus, o local suspendeu completamente as visitas, exceto para parentes de residentes que estavam morrendo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Desde abril, Jean apresentava pioras e, nos últimos dias, a casa de idosos resolveu comunicar Scott sobre as condição de saúde da mãe.

Só que Scott também está com a esposa doente, fazendo sessões de quimioterapia. Como ele acompanha a esposa em hospitais, a casa de idosos não permitiu a sua entrada para falar com Jean.

Foi quando Sarah Petty, coordenadora do local, disse que acharia um jeito. “Eu estava tentando pensar fora da caixa para colocar esse cara no segundo andar para se despedir“, disse Sarah.

filho pede ajuda a bombeiros

Tatá Werneck se emociona ao conhecer história de gari que entrega refeições a pessoas carentes no RS. Conheça a campanha especial #PoderDoSomos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sarah já é conhecida na casa pelas suas atitudes de gentileza e esforços. Ela primeiro pensou em usar uma escada extensível ou, até mesmo, construir uma plataforma que ajudasse Scotte a subir até o quarto.

Foi então que alguém disse que tinha ligações com o Corpo de Bombeiros local e Sarah conseguiu providenciar um caminhão que levasse Scott até a janela do segundo andar, onde ficava o quarto de Jean.

E foi dessa forma que ele pôde ver e dizer adeus à mãe.

Scott foi preso em uma cabine suspensa, que o levou até a janela do quarto da mãe. Sarah conseguiu autorização para abrir a janela do quarto de Jean e os dois puderam se ver pela última vez.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fiquei tão feliz por poder vê-la. Não sei como descrever. Estou tão feliz por ter podido fazer uma última visita com ela.

filho é suspenso para se despedir da mãe

Sarah contou que foi um dia muito emocionante para todos, incluindo a equipe. Todo mundo se emocionou bastante.

O chefe dos bombeiros, Tom Marshall, disse que ficou muito feliz em ter cumprido essa missão.

Isso só mostra que todos os serviços de emergência locais estão aqui para mais coisas fora da caixa do que apenas responder a emergências. Existem várias maneiras diferentes de ajudar a comunidade quando não estamos respondendo a verdadeiras ligações para o 911“.

Jean Wolf, infelizmente, morreu no dia seguinte.

Essa história me lembrou muito a do filho que usou a escada para matar a saudade da mãe de 80 anos sem violar quarentena em PE.

[Nota da Redação]

Estamos com a campanha especial #PoderDoSomos com OMO contando histórias incríveis de projetos que transformam vidas! Confira o primeiro projeto selecionado anunciado pela Giovanna Ewbank:

FONTE: Patch

 

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,842,344SeguidoresSeguir
24,832SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Alunos de BH se juntam para comprar uniforme de colega carente

Não só de histórias de bullying vivem os alunos nas escolas – ainda bem. Uma boa ação dos alunos da Escola Estadual Maria Andrade Resende,...

Empresa produz telhas que geram energia solar e são mais baratas

Combinar sustentabilidade com economia é uma ótima proposta. As telhas solares da empresa Tesla, além de prometerem serem mais baratas do que um modelo...

Pela primeira vez, Nubank entrega ‘mimos’ pessoalmente para cliente

Essa é a primeira vez em seis anos que o Nubank entrega alguns de seus "mimos" pessoalmente para um cliente.

Garoto de 13 anos reúne 2 mil cordéis e cria ‘cordelteca’ em Bauru (SP)

Pedro batizou a cordelteca de Gonçalo Ferreira da Silva, nome de um poeta de Ipu, no Ceará, conhecido por ser um dos fundadores da Academia Brasileira de Literatura de Cordel.

Noivos fugiram da própria festa de casamento para visitar avó internada da noiva

Imaginem a situação: com a festa de casamento praticamente pronta, o casal Matt e Jamie Seifert receberam a triste notícia que Pat, a avó...

Instagram

Filho é levantado por caminhão de bombeiros para se despedir da mãe pela janela do asilo 1