Fotógrafa adota esquilos órfãos em floresta da Suécia; assista documentário – fofo!

Uma fotógrafa inglesa divulgou no final de fevereiro um documentário em que mostra como adotou quatro esquilos órfãos em uma floresta da Suécia. Em The Squirrels & Me (Os Esquilos e Eu, em tradução livre), Dani Connor mostra ao mundo como a observação e o contato diário com os animais os transformaram em uma família.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com ela, a mãe dos quatro bebês esquilos era ‘sua conhecida’. Remi, como foi batizada pela inglesa, foi atropelada nas primeiras semanas da primavera de 2020 em uma das estradas da região que cortam a floresta.

Dani começou a observar que os filhotes de Remi ficaram órfãos, mas continuavam habitando a mesma árvore que nasceram. Nas semanas seguintes, a fotógrafa passou cerca de cinco horas na floresta apenas assistindo as brincadeiras dos esquilos, apelidados de Bebê Pera, Bebê Mumin, Cheburashka e Chamazinha.

Fotógrafa adota esquilos órfãos na Suécia
Os quatro esquilinhos órfãos encontraram nas lentes de Dani proteção e amor. Foto: reprodução/YouTube Dani Connor Wild

Na sétima semana, a fotógrafa não conseguiu mais ver Mumin e Chamazinha, os quais ela acredita que tenham sofrido ataques predatórios ou tenham migrado. Segundo Dani, apenas 30% dos bebês esquilos sobrevivem ao primeiro ano de vida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apesar de não ver mais a gangue de esquilos completa, Bebê Pera e Cheburashka continuavam lá e sempre apareciam quando ouviam a voz de Connor. “Após passar mais de 100 horas na floresta com os bebês esquilos, eu me senti conectada com eles”, diz a fotógrafa no documentário.

No final da primavera, Connor voltou à Inglaterra e retornou à Suécia apenas seis meses depois. Obviamente, a fotógrafa visitou a floresta em busca de Bebê Pera e Cheburashka. Apesar de procurar seus filhos adotivos durante três semanas, a inglesa não os encontrou.

Encontro (in)esperado!

Entretanto, em uma cena que parece mais com um filme de conto de fadas, Bebê Pera e Cheburashka apareceram na porta da casa de Conoor, que fica próxima à floresta. Em seu documentário, a fotógrafa afirma que reconheceu de cara os pequenos esquilos.

“Quando eu fui para fora de casa para tirar uma foto, ele não correu. Assim que eu vi o esquilo, eu sabia quem ele era. O seu comportamento provou para mim que era Bebê Pera. Contra todas as possibilidades, Bebê Pera sobreviveu. […] Para o meu espanto, eu vi outro jovem esquilo. Era Cheburashka. Eles dois sobreviveram”, conta Connor.

Diz se não é uma história de encher olhos e coração! 😭🥰

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM







Fotógrafa adota esquilos órfãos em floresta da Suécia; assista documentário - fofo! 1

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,086,993SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira lança aplicativo para alfabetização de crianças com autismo

Com sua fundação nos Estados Unidos, ela desenvolveu um jogo interativo que estimula a compreensão e desenvolvimento da linguagem, um dos maiores desafios para aqueles que convivem com os autistas.

Após demissão sem aviso prévio, médico atende pacientes na calçada

Uma demissão nunca é um momento fácil para ninguém. Mas ser demitido sem aviso prévio pode ser ainda mais complicado e foi assim com...

Paciente faz roupas de crochê durante internação e doa para os recém-nascidos do Hospital

Passar muitos dias internada é muito cansativo, mas dona Marlene Scheurich encontrou uma motivação e um passatempo muito grandioso. Ela precisa ficar internada no Hospital...

Casal de imigrantes venezuelanos que vendia doces em metrô abre sua própria padaria

É difícil começar um negócio do zero com pouco dinheiro, especialmente se você é um imigrante que precisou buscar refúgio em outro país. Foi o...

Mãe não se aguenta ao ver o filho que sabe tudo de tecnologia sem saber usar um telefone analógico

Os jovens que nasceram após a década de 2000 são chamados de Millennials e eles são caracterizados por já terem nascido na era tecnológica...

Instagram

Fotógrafa adota esquilos órfãos em floresta da Suécia; assista documentário - fofo! 2