Fotógrafa brasileira lança projeto para documentar a conexão da mulher com o oceano

Registrar a relação da mulher com o mar é o propósito do Salty Eyes, o novo projeto fotográfico de Marianna Piccoli. Com uma linguagem artística e singular, a intenção é eternizar as sensações e a beleza dessa profunda conexão. Segundo a fotógrafa, o projeto também fortalece a união do surfe feminino ao mostrar seu lado mais genuíno: sua interação com o oceano e as areias da praia, o estilo de vida praiano, os olhos e pele salgados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Lançado oficialmente nesta quinta-feira (17/09), o Salty Eyes é um projeto de fotografia itinerante que promove sessões de fotos pelas praias mais paradisíacas do mundo para registrar tanto a ação do surf dentro e fora da água quanto o beach lifestyle dessas meninas. As interessadas nessa experiência podem nos contratar por onde o Salty Eyes estiver passando ou participar de surftrips organizadas por nós”, diz Marianna. A autora une referências de sua trajetória como fotógrafa de surfe internacionalmente reconhecida à experimentação de um novo olhar, que se aproxima da fotografia de moda, mas se distancia da perspectiva comercial respeitando a naturalidade da praia.

Durante uma viagem à Costa Rica em abril deste ano, a ideia do projeto começou a tomar forma. A convite do Almar, grupo feminino de surfe do Rio de Janeiro, Marianna embarcou com dez meninas rumo a um dos destinos mais procurados pelos amantes das ondas. Com o olhar salgado de surfista, a fotógrafa acompanhou o time de meninas registrando suas vivências por dez dias. “O Salty Eyes já existia na minha cabeça desde o ano passado, mas o conceito casou perfeitamente com essa viagem., conta. Na volta ao Brasil, a ideia saiu do campo dos sonhos e se tornou realidade. Foi nas olas calientes do México que ela desembarcou em junho, onde morou por três meses e registrou lindas imagens pela segunda vez dentro dessa nova proposta. feedback das meninas está sendo incrível. Vejo que o resultado vai muito além do surf. Mais que fotos, o projeto proporciona principalmente durante as viagens, uma intensa experiência de vida, que mexe com a confiança, auto estima e com a forma de enxergar o mundo.”

Com dez países e quatro continentes carimbados no passaporte, Marianna Piccoli é hoje uma das fotógrafas de surfe mais respeitadas do Brasil. Ainda como hobby, começou a fotografar em 2004, durante um intercambio na Australia. Dois anos depois, de volta ao Brasil, trancou a faculdade de Naturologia para dar chance ao seu sonho, unir o talento recém-descoberto às duas coisas que mais gostava de fazer: surfar e viajar.

Tomou coragem e adentrou o universo quase completamente masculino da fotografia de surfe, rodando o mundo enfrentando os olhares desconfiados para aquela menina de 18 anos e 1,60m. “Nesse início, principalmente em minhas primeiras viagens ao Havaí, o número de meninas era muito tímido, tanto viajando quanto fotografando. Senti o mesmo quando comecei a fotografar dentro d’água, outra atividade ainda pouca explorada pelas mulheres”, conta ela que foi uma das primeiras fotógrafas brasileiras a se arriscar nas fotos dentro dágua. Sem se abalar pelo preconceito, Marianna continuou viajando, muitas vezes sozinha e, aos poucos, ganhou respeito. Demora mais pra gente ser reconhecida, mas segui evoluindo meu trabalho e as pessoas foram percebendo”, explica.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para ela, muita coisa mudou nesses últimos dez anos e a mulher conquistou seu espaço com muito estilo e atitude. Como uma das pioneiras, viu o crescimento do número de garotas em surftrips e enxergou um nicho. Salty Eyes é o melhor meio que encontrei para materializar aquela indescritível sensação da mulher de estar no mar, sentir sua força, beleza e poder de cura.”

Salty Eyes Project – Mexico 2015 from Marianna Piccoli on Vimeo.

unnamed-1

unnamed-2

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

unnamed-3

unnamed-4

unnamed-5

unnamed

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

1435670736047

1435671849805

mari+noronha

mariannapiccoli

Photo-MariannaPiccoli-4

SALTY-EYES-costa-rica-0024

Salty-Water-e1428122911942

Fonte: Plano Feminino

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Gianmarco Negri é eleito o primeiro prefeito transgênero da Itália

O advogado Giannmarco Negri, 40 anos, acaba de fazer história na Itália. Ele foi eleito nessa segunda-feira (27) prefeito do pequeno município de Tromello,...

Fernando de Noronha proíbe uso e venda de plásticos descartáveis

O arquipélago pernambucano de Fernando de Noronha proibiu o uso e a venda de plásticos descartáveis. A norma é aplicável a todos os estabelecimentos e...

Criança de doença rara e sem cura dá lição de vida e internautas criam vaquinha para ajudar no tratamento

O menino Pedrinho tem uma doença genética que causa lesões semelhantes a queimaduras em todo o corpo. Cada troca de curativos leva 3 horas. A...

Barbearia dá desconto para crianças que leem livros e estimula outras 300 a iniciar movimento pró-educação

A barbearia "The Fuller Cut" lançou um projeto que oferece espaço para leitura e dá desconto nos cortes de cabelo para as crianças que...

Igreja na Holanda realiza culto há 800 horas para impedir deportação de família

Em Haia, terceira cidade mais populosa da Holanda, a fé tem sido um instrumento de protesto e esperança. Isso porque os fiéis da Igreja...

Instagram