Fotógrafa captura cesariana de bebê que levou 4 dias pra nascer

Ser fotógrafo é uma profissão mágica. São eles os responsáveis por capturar os momentos mais importantes da vida de uma pessoa. Imagina então, os fotógrafos de nascimento? Poder participar do instante em que nasce uma criança, deve mesmo ser inspirador. Quem enviou essa história para o site Love What Matters foi a fotógrafa de nascimentos, Laura Shockley e ela conta porque este parto foi especial.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela diz que ser uma fotógrafa de nascimento implica estar de plantão no exato momento em que a família telefona para dizer que o bebê está a caminho e que para isso já começa a se preparar uns dias antes, deixando todo o equipamento separado e não esquecendo, jamais, de deixar o volume do celular no máximo, é claro.

Para Laura este também foi um nascimento diferente, pois todos os outros partos que ela fotografou foram naturais e este foi uma cesariana. No entanto, já no hospital, os médicos disseram que a mãe estava com a pressão arterial altíssima, então que iriam tentar o parto normal mesmo. Mas não foi assim tão simples como parece, já que o bebê estava confortável lá dentro e sem vontade alguma de sair.

Passou um dia e a dilatação ainda não era suficiente: As contrações foram de 3 a 4 minutos de distância e tudo parecia certo na pista. No final do primeiro dia, nada de nascer ainda. Pensei: ótimo, aposto que o bebê estará aqui no final de amanhã”. Enquanto isso, Laura continuou no hospital, pois o bebê poderia nascer a qualquer momento. De vez em quando conseguia tirar um cochilo, mas começava a ficar exausta.

Quatro dias se passaram e nesta altura, todo mundo já estava exausto. Laura começou a fotografar o quarto, os momentos de calma e a doula massageando as costas da mãe, tentando lhe acalmar. Foi quando o médico entrou no quarto e disse que após quatro dias de espera, ele iria induzir o parto e fazer a cesariana mesmo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesta hora a fotógrafa sentiu medo, pois nunca tinha fotografado um nascimento assim. Chegou até a ligar para o marido na tentativa de descarregar um pouco a sua tensão. Ela não saberia como iria fazer essas imagens, nunca tinha vivido isso, mas as coisas aconteceram naturalmente e intuitivamente. Ela diz que ficou impressionada com a força daquela mãe, chamada Angel e que chegou a quase desmaiar quando viu o médico e enfermeiros costurarem sua barriga.

Poder estar ali, durante quatro dias intensos ao lado desta família, que aguardava tão ansiosamente o seu filho deu forças para Laura e ainda mais inspiração para fazer seu trabalho: Eu vi o amor e o sacrifício desta família em todos os ângulos hoje”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações de Love What Matters

Fotos: Laura Shockley

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Médicos de Brasília trocam exame de vista por cobertores para desabrigados

Ajudando quem não pode pagar pelo exame e os moradores em situação de rua: excelente iniciativa!

Saulo e Renan se casam e celebram o amor acima de qualquer preconceito

Recebi um inbox do Saulo falando que acompanha o RPA há muito tempo, e gostaria de me enviar as fotos e vídeo do casamento...

Estudante com paralisia cerebral revela talento na escrita: tudo começou com um celular

Professores e alunos da EMEF Franscisco Meirelles, de São Paulo, se mobilizaram para comprar um tablet para o estudante Marcos Gabriel Rocha, 18 anos. Essa...

Pode doar! Plataforma online ajuda a identificar ONGs confiáveis para doação

Você fica inseguro na hora de fazer doações para ONGs, sem saber ao certo se elas são confiáveis? Se sim, a doebem pode te...

Instagram