Fotografias raras mostram todo o charme de Paris de 100 anos atrás

O ano era 1914 quando o banqueiro francês Albert Kahn convocou os fotógrafos Leon Gimpel, Stephane Passet, Georges Chevallier e Auguste Leon para criar belas recordações da “Cidade Luz”, no ano em que estourou a Primeira Guerra Mundial (1914-1918).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os quatro fotógrafos usaram um método inovador para a época chamado Autocromos Lumière. A partir de grãos microscópicos de fécula de batata tingidos, eles conseguiram captar as cores de uma Paris que é puro charme.

Existem hoje 72 mil autocromos desse período graças a esses quatro fotógrafos. Abaixo, você confere algumas dessas fotografias disponíveis no site Paris 1914.

paris-zupi2

paris-zupi3

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

paris-zupi4

paris-zupi5

paris-zupi6

paris-zupi7

paris-zupi8

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

paris-zupi9

paris-zupi10

paris-zupi11

w704

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

via [Zupi]

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,775,615SeguidoresSeguir
23,363SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Tampinhas de plástico financiam castrações de animais abandonados em SC

O projeto Ecopet protege o meio ambiente e cuida da saúde dos bichinhos.

Cachorros que vivem na Vila do Parapan desde o início das obras possuem credenciais e sonham com um lar novo

Os “perros”, cachorros em espanhol, circulam pela Vila vestidos com roupas de frio e credencial com nome e função. Após os Jogos, eles poderão ser adotados!

Gaivota visita idoso que a salvou há 12 anos todos os dias

O inglês John Sumner arranjou uma inusitada amizade há 12 anos. Em 2007, ele avistou um pássaro com uma perna quebrada e decidiu cuidar...

Morador de rua oferece serviço de carreto para reencontrar a família de cabeça erguida

Morador de rua há mais de 30 anos, Jonas Manuel, tem uma veia empreendedora. Ele trabalha todos os dias para sair da situação em que...

Faça como o chef Henrique Fogaça, leve seu pet para doar sangue aos animais de Brumadinho

A cachorrinha Granola doou sangue para animais que sobreviveram à tragédia em Brumadinho.

Instagram

Fotografias raras mostram todo o charme de Paris de 100 anos atrás 2