Fotógrafo faz miniensaio gratuito para doadores de sangue em Belém (PA)

O que você estaria disposto a fazer para que um fotógrafo profissional realizasse um miniensaio seu e de graça? Bruno Campos quer somente que as pessoas doem sangue para aqueles que estão precisando. Isso mesmo, o fotógrafo, que também é doador, dedica o seu talento e horas de trabalho para que mais pessoas se tornem doadoras de sangue em Belém, no Pará.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A campanha começou em julho deste ano, período em que muita gente fica de férias e os estoques do hemocentro local caem absurdamente. “Eu pensei no ensaio porque é o que sei fazer de melhor. Unindo a questão da campanha ao meu intuito de ajudar os jovens, eu presenteio os doadores com um miniensaio fotográfico”, disse Bruno.

Até o momento, ele realizou apenas quatro ensaios, mas já existem mais de 800 pessoas na fila de espera para fazer as fotos. Para participar, os interessados têm que mandar o comprovante de doação de sangue e, desta forma, Bruno já tem conseguido resultados positivos. Boa parte dos interessados nas fotos já fez a doação!

mulher cheirando flores

mulher encostada ponte por sol atrás

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eu pensei em criar essa campanha como um incentivo à doação. É claro que deveria ser por um motivo maior, doar por amor ao próximo, por solidariedade, mas às vezes as pessoas precisam de um pequeno empurrão para fazerem o que é o certo”, relata Bruno.

Fotógrafo também resgata sorrisos de pacientes com câncer

Bruno Campos também participa de um projeto voluntário chamado “Resgatando Sorrisos”, em que fotógrafos fazem ensaios e cobertura de eventos de jovens e adolescentes que realizam tratamento no Hospital Octávio Lobo, referência no Norte do país em tratamento oncológico infanto-juvenil.

criança cabeça raspada câncer

menino camiseta regata

As fotos são uma lindeza porque captam o melhor de cada paciente, sem explorar a condição de enfermo dessas pessoas. “Isso aumenta sua autoestima, dando esse apoio psicológico e os tirando do ambiente hospitalar um pouco”, analisa. Os voluntários também auxiliam e ajudam as famílias dos pacientes com cestas básicas, materiais de limpeza, higiene, materiais especiais, tudo por meio de doações.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menina tratamento câncer sorrindo

“Estou extremamente grato com toda essa euforia que consegui causar nas pessoas por uma boa causa e pretendo continuar seguindo com a campanha. O Instituto Áster me apresentou a esse mundo do voluntariado e eu não pretendo sair nunca. Meu intuito é alcançar o máximo de pessoas que eu puder. Basta a boa vontade de todos”, finalizou o fotógrafo.

E aí, quer fazer um miniensaio com o Bruno de graça? É só enviar o comprovante da doação de sangue para o número (91) 99188-5262 (WhatsApp) ou por DM no Instagram do Bruno @bcamposphotography, e agendar a data com o fotógrafo.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

beija-flor

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,857,801SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mulher se veste de Emília e vai para o semáforo vender chocolates para ajudar o marido

Algumas semanas atrás, a paulistana Greyce Anne Morato, de Matão, município de 80 mil habitantes no interior do estado, compartilhou na internet sua história...

Você teria coragem de sentar no cinema do lado desses caras?

Uma sala de cinema repleta de motociclistas tatuados, bad boys, homens bombados mal-encarados e apenas 02 lugares sobrando! Esse foi o ambiente criado pela...

Empresa vende sabonete em forma de coala e destina lucros para ajudar animais na Austrália

A loja britânica de cosméticos Lush lançou uma linha de sabonetes em formato de coala, cujo lucro integral será destinado à assistência e amparo...

Aposentada decide realizar sonho de conhecer Machu Picchu e faz primeiro mochilão aos 64 anos

A busca pela realização de um sonho não tem idade para a aposentada Flora Conti, que decidiu fazer o seu primeiro mochilão aos 64...

Mãe queria dar bebê com síndrome de Down para adoção, então pai decide criá-lo sozinho

O dia mais feliz na vida de Evgeny Anisimov, foi quando seu filho Misha nasceu. Tudo parecia estar indo bem em sua vida e...

Instagram