Fotógrafo faz miniensaio gratuito para doadores de sangue em Belém (PA)

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO



O que você estaria disposto a fazer para que um fotógrafo profissional realizasse um miniensaio seu e de graça? Bruno Campos quer somente que as pessoas doem sangue para aqueles que estão precisando. Isso mesmo, o fotógrafo, que também é doador, dedica o seu talento e horas de trabalho para que mais pessoas se tornem doadoras de sangue em Belém, no Pará.

A campanha começou em julho deste ano, período em que muita gente fica de férias e os estoques do hemocentro local caem absurdamente. “Eu pensei no ensaio porque é o que sei fazer de melhor. Unindo a questão da campanha ao meu intuito de ajudar os jovens, eu presenteio os doadores com um miniensaio fotográfico”, disse Bruno.

Até o momento, ele realizou apenas quatro ensaios, mas já existem mais de 800 pessoas na fila de espera para fazer as fotos. Para participar, os interessados têm que mandar o comprovante de doação de sangue e, desta forma, Bruno já tem conseguido resultados positivos. Boa parte dos interessados nas fotos já fez a doação!

mulher cheirando flores

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

mulher encostada ponte por sol atrás

“Eu pensei em criar essa campanha como um incentivo à doação. É claro que deveria ser por um motivo maior, doar por amor ao próximo, por solidariedade, mas às vezes as pessoas precisam de um pequeno empurrão para fazerem o que é o certo”, relata Bruno.

Fotógrafo também resgata sorrisos de pacientes com câncer

Bruno Campos também participa de um projeto voluntário chamado “Resgatando Sorrisos”, em que fotógrafos fazem ensaios e cobertura de eventos de jovens e adolescentes que realizam tratamento no Hospital Octávio Lobo, referência no Norte do país em tratamento oncológico infanto-juvenil.

criança cabeça raspada câncer

menino camiseta regata

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As fotos são uma lindeza porque captam o melhor de cada paciente, sem explorar a condição de enfermo dessas pessoas. “Isso aumenta sua autoestima, dando esse apoio psicológico e os tirando do ambiente hospitalar um pouco”, analisa. Os voluntários também auxiliam e ajudam as famílias dos pacientes com cestas básicas, materiais de limpeza, higiene, materiais especiais, tudo por meio de doações.

menina tratamento câncer sorrindo

“Estou extremamente grato com toda essa euforia que consegui causar nas pessoas por uma boa causa e pretendo continuar seguindo com a campanha. O Instituto Áster me apresentou a esse mundo do voluntariado e eu não pretendo sair nunca. Meu intuito é alcançar o máximo de pessoas que eu puder. Basta a boa vontade de todos”, finalizou o fotógrafo.

E aí, quer fazer um miniensaio com o Bruno de graça? É só enviar o comprovante da doação de sangue para o número (91) 99188-5262 (WhatsApp) ou por DM no Instagram do Bruno @bcamposphotography, e agendar a data com o fotógrafo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

beija-flor

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,025,166FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
11,803SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira voluntária da 2ª Guerra Mundial é hoje voluntária na luta contra o Coronavírus

A dona Blandina era adolescente quando confeccionou luvas para os soldados brasileiros da FEB (Força Expedicionária Brasileira) que lutaram na 2ª Guerra Mundial. Lá se...

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Com 4 filhos pequenos, dona de casa abandonada por marido recebe apoio de internautas

A jovem mamãe Andreza Santos Araújo, 23 anos, mora e cria sozinha seus quatro filhos pequenos em Várzea Grande, Mato Grosso. Desde que o...

Universitário de 92 anos se adapta à tecnologia e nos dá uma linda lição de resiliência e otimismo

Não existe idade certa para realizarmos nossos sonhos e o universitário Carlos Augusto Manço, que entrou na faculdade aos 90 anos, é um dos...

Em vídeo fofo, filho com paralisia cerebral conta para pai que está apaixonado. Veja!

Ai, socorrooo! O Biel tá apaixonado, esse sorriso não engana ninguém! 😍 Biel tem paralisia cerebral e ama um triatlo! Ele e o pai, o...

Instagram