Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ

Você já imaginou abrir mão do valor que recebe pelo seu trabalho para ajudar um projeto social? É exatamente isso o que está fazendo um grupo de fotógrafos profissionais do Rio de Janeiro: os “Fotógrafos pelo Bem”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eles recebem os pedidos, fazem o orçamento e é aí que o cliente fica sabendo que não vai pagar em dinheiro, mas em alimentos, fraldas e brinquedos. Tudo é entregue para uma instituição de caridade, a Casa de Fátima, em Sepetiba, que atende centenas de pessoas em situação de vulnerabilidade.

O grupo começou com dez renomados fotógrafos cariocas. Quem visualizou essa ideia foi a repórter fotográfica Cacau Fernandes. Ela reuniu profissionais de vários segmentos: documentaristas, fotojornalismo, fotógrafos de casamentos e eventos, de arquitetura e de ensaios sensuais.

Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ 2
Projeto tem 14 fotógrafos que se revezam no trabalho para garantir o máximo de doações. Foto: Marcos Ramos/Agência O Globo

“A ideia veio quando eu comecei a frequentar a Casa de Fátima, vi o sacrifício que faziam e fazem para ajudar aquela população. Vi pessoas chorando, pois as cestas básicas não são suficientes apesar do esforço que fazem. Vi pessoas indo estudar na Casa de Fátima com o lixo que catam nas ruas. Muita tristeza! Então coloquei no meu Facebook a proposta e apareceram mais nove doidos que toparam fazer o projeto e estamos tocando”, disse Cacau.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Projeto beneficiado 280 famílias

Hoje, o projeto conta com 14 fotógrafos. Cada um deles reserva dois dias no mês para trabalhar em prol da instituição. A Casa de Fátima oferece oficinas gratuitas de Fotografia, Jiu-jitsu, Alongamento, Desenho, Filosofia para Crianças, Pintura, Artesanato, Violão e Maquiagem.

As oficinas são realizadas por voluntários que também fazem distribuição de cestas básicas, fraldas e medicamentos. Mensalmente, são cerca de 280 famílias beneficiadas, mas o objetivo é chegar ao atendimento a 500 famílias.

Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ 3
Foto: Arquivo pessoal

“Essa parte do Rio é esquecida, não tem cultura, quase não tem comércio. Percebemos o impacto da Casa para aquelas pessoas. Como eles não têm patrocínio algum, nos sensibilizamos e os apoiamos, doando nossos trabalhos”, disse Cacau, que também ministra oficina de fotografia no local.

Leia mais: Fotógrafo faz miniensaio gratuito para doadores de sangue em Belém (PA)

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Clientes também se sentem bem pagando em doação

Assim, quem contrata os Fotógrafos do Bem consegue ótimos registros e ainda ajuda ao projeto. A analista ambiental Nathália Feilo foi uma das primeiras clientes do grupo. Ela contratou a equipe para fazer fotos de gestante.

“Como não podíamos fazer a doação em dinheiro para a casa, foi uma ótima oportunidade de ajudar outras pessoas. Fizemos as nossas fotos e ainda ajudamos numa ação social”, disse Nathália.

Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ 4
Foto: Anderson Lima/Fotógrafos pelo Bem

Muitos têm vontade de ajudar ao próximo, mas falta oportunidade e é isso que damos a todos. A oportunidade de fazer o bem sem sair do orçamento”, resumiu Cacau. A ideia agora é conseguir mais contratos para fazer doações para outros projetos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotógrafos pelo Bem vão realizar ação na Praia do Arpoador

Nos dias 10 e 17 de novembro, os fotógrafos vão estar na praia do Arpoador das 14h ao por do sol fazendo fotos belíssimas de quem quiser ser capturado pelas lentes do bem. Basta doar R$ 50,00 em mantimentos para a Casa.

Quem não estiver precisando de umas fotinhas, mas quer contribuir, pode entrar em contato diretamente com a coordenação da Casa de Fátima pelo telefone (21) 3157-3099 ou site. E quem quiser contratar essa galera, ou se voluntariar dando seus cliques em prol do projeto, pode fazer contato pelo e-mail: [email protected].

Educação, esporte e arte são fundamentais para a inclusão social de grupos vulneráveis, concorda? Conheça então três projetos que defendem essas causas, escolha a sua favorita, apoie e concorra a um super prêmio de R$ 1 milhão da promoção “Ganhou, Causou”, da Nestlé. Clique aqui e saiba como participar!

Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ 5

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,777,376SeguidoresSeguir
23,544SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Morador de rua doa tudo que arrecada em moedas para outros moradores de rua, orfanatos e igrejas

A aparência não é das melhores. Quem olha para ele logo quer manter distância. Barba grande, roupas sujas, um típico morador de rua. Mas...

Como venci minha deficiência

Por Hilton Júnior Entardeceu, já é dia 3, o último três do ano, ah... o dia 3. Hoje, quando acordei, pensei: "Deveria escrever um texto...

4 razões pelas quais as mulheres nunca deveriam amamentar em público

Uma das matérias que nos deu muito orgulho compartilhar aqui foi quando a Prefeitura de SP aprovou a lei para multar quem tentasse impedir...

Presídios de Tremembé vão receber cães e gatos após construção de canil

Uma ótima notícia para os animais e para os detentos.

Instagram

Fotógrafos trocam valor de ensaios por doações para famílias necessitadas no RJ 7