Carro funerário muda caminho para idosa dar adeus ao filho

Uma idosa de 90 anos pôde se despedir do filho, vítima do novo coronavírus no Amapá, graças ao gesto de uma empresa funerária, cujo veículo aceitou mudar o percurso para passar em frente à casa dela.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O motorista Moacyr Silva, 56 anos, foi a terceira vítima decorrente do Covid-19 no estado. Por determinação da Secretaria de Saúde do Amapá, os velórios não são permitidos neste momento.

A mãe dele, Dona Maria Silva, 90 anos, pediu à funerária para ‘ver’ o filho uma última vez. Sensibilizada, a empresa aceitou. O carro que levava o caixão ao cemitério parou por um momento para a despedida à distância.

carro funerário leva vítima fatal covid mãe despedida
Foto: Reprodução/YouTube

Canal Coronavírus: veja boas notícias, vagas home-office e como ajudar pequenos negócios clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesse momento, amigos e vizinhos de Moacyr saíram à rua para aplaudir e fazer uma oração.

“Não tenho nem palavras. Ele era um amigo e irmão. Como existe um procedimento a ser cumprido, do hospital direto para o cemitério, a mãe dele pediu que no momento de levar o corpo, passasse em frente à casa dela. Foi algo inexplicável. Quando o carro entrou na avenida, a sirene foi ligada e todos na rua começaram a aplaudir. Foi muito triste”, disse o pare Paulo Roberto Matias, amigo de infância do motorista. Ele esteve ao lado da família durante toda a despedida.

Moacyr Silva era motorista da Polícia Federal (PF), em Macapá (AP). Levava uma vida normal e conforme conta o padre Paulo, era extremamente precavido, pois “só andava com luva, máscaras e álcool gel na mão”, ciente de suas comorbidades – ele era hipertenso e ex-fumante.

carro funerário leva vítima fatal covid mãe despedida
Foto: Arquivo pessoal

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Semanas antes de apresentar os sintomas, Moacyr chegou a desfilar na escola de samba onde era diretor de alegorias, a Piratas Estilizados, em Macapá. Amigos e familiares o descrevem como uma pessoa muito alegre e querida por todos, que vai deixar saudades.

Confira o momento da despedida:

Plataforma dará cachê a 600 a maquiadores autônomos que estão sem trabalhar por causa da Covid-19, saiba mais clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: UOL

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,282,832SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Desconhecidos dão vida nova a idoso que recebeu arroz com ração de cachorro para comer

A história de seu José Adan começou triste, mas terminou muito feliz. Ele é um senhor idoso que vive em situação de rua e...

Menino que vende quadros para pagar hemodiálise sonha tomar banho de mar assim que conseguir seu transplante de rim [VÍDEO]

O Daniel Neves só tem 13 anos, mas a garra dele é imensa e inspiradora! Esse garoto luta desde os 8 meses de idade...

Projeto brasileiro leva a magia do palhaço para refugiados, abrigos, ocupações e alojamentos

O Palhaços Sem Fronteiras Brasil viaja pelo país e pelo mundo trazendo o lado lúdico do palhaço para pessoas que estão em campos de...

Esquiador celebra beijo em namorado transmitido ao vivo nas Olimpíadas de Inverno

Apesar de ter ficado de fora do pódio, o esquiador norte-americano Gus Kenworthy fez história ao beijar seu namorado ao vivo após a prova...

Quando acontece uma viagem-surpresa para o casamento da irmã

Minhã irmã Arlla casou-se apenas no civil, por isso não fez uma grande festa. E por isso, ela disse que não precisava que eu...

Instagram

Carro funerário muda caminho para idosa dar adeus ao filho 1