Menino que sobreviveu ao furacão Dorian é recebido com abraço coletivo de colegas

Makai Simmons, 3 anos, voltou a estudar após as férias de verão em sua escola, na Flórida (EUA), onde foi recebido com um carinhoso abraço coletivo de seus colegas. O pequeno estava nas Bahamas com sua família quando o furacão Dorian devastou a ilha.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na última segunda-feira (9), a mãe do menino, Tekara Simmons, publicou um vídeo em seu perfil do Instagram que mostra Makai chorando enquanto um dos colegas diz “nós sentimos sua falta” ao fundo. O post já acumula mais de 15 mil curtidas e milhares de comentários.

Tekara comentou a destruição do furacão Dorian em uma entrevista à CNN. Nascida e criada nas Bahamas, ela visita a ilha algumas vezes ao ano, aproveitando os feriados.

No dia 2 de agosto, feriado do Dia do Trabalho nos Estados Unidos, ela viajou com a família para aproveitar o fim de semana. No entanto, o furacão pegou a todos de surpresa, avançando pelo Caribe em direção ao litoral da Flórida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também:

A casa em que estavam foi completamente inundada durante a passagem do furacão, mas eles não se machucaram, tendo sido evacuados antes.

Devastação do furacão Dorian

Segundo um levantamento do governo norte-americano publicado na terça-feira (10), a tempestade tropical deixou 50 mortos, centenas de desaparecidos e cerca de 70 mil pessoas desabrigadas nas Bahamas.

Para Makai, o furacão é um ‘monstro’ – ‘porque era assim que ele se assemelhava nas Bahamas’, conta sua mãe.

Ao retornar em segurança após o susto e testemunhar o momento em que as crianças abraçaram seu filho foi um momento especial. “Isso me fez sentir realmente amada e importante”, finalizou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja o vídeo:

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Diário de Pernambuco/Fotos: Reprodução/Twitter

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,238,290SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cissa Guimarães faz linda homenagem ao filho Rafael que completaria 25 anos

É impossível mensurar a dor da perda de um filho, das pessoas que já passaram por isso, não conseguem descrever tamanha dor e vazio...

Pai criou campanha no Halloween para dizer às meninas que elas podem ser quem quiserem

O americano John Marcotte viu que as meninas têm poucas opções de fantasias para celebrar o Halloween. Ele chegou a essa conclusão enquanto comprava...

Johnny Depp explica o real motivo das suas visitas a hospitais infantis

O ator Johnny Depp já foi visto algumas vezes visitando crianças em hospitais e escolas caracterizado de seu personagem mais famoso e querido pelos...

Professora de creche na periferia ganha bolo de aniversário surpresa de pais de aluna

A professora Juliana Cardoso recebeu uma linda surpresa na tarde da última segunda-feira (23). Era seu aniversário e uma aluninha não se esqueceu da...

Cientista paraense acumula 15 prêmios por criar tijolo feito do caroço de açaí

Segundo a Organização Mundial do Comércio, cerca de 90% de todo o açaí consumido no mundo é produzido no estado do Pará. Paradoxalmente, apenas...

Instagram