Gari se sensibiliza com idoso que vive em condições desumanas e faz campanha

Um certo dia, enquanto varria a Rua da Barragem em Vitória da Conquista, na Bahia, o gari e motoboy Reinaldo Paixão percebeu a precária situação que um idoso e dois filhos dele com transtornos mentais viviam! A situação da casa e como esses moradores vivem é de deixar qualquer um indignado. A casa não tem um móvel, além de um colchão desgastado e sujo. Paredes e chão encardidos, telhado quebrado e não possui banheiro!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ao se deparar com a situação desumana do idoso, imediatamente Reinaldo iniciou uma corrente do bem pelo bairro, criou um grupo no Whatsapp e sozinho realizou uma campanha para tentar arrecadar dinheiro e materiais para a construção da casa.

Para ajudá-lo nesta ação, criamos uma vaquinha na VOAA! Para contribuir, basta clicar aqui.

Infelizmente, com menos de um mês realizando a campanha sozinho, ele só conseguiu arrecadar alguns tijolos e cimento. A casa precisa de muita coisa, muita coisa mesmo! Além dos materiais de construção, será necessário mobiliar a casa, que hoje, não tem NADA!

gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha
Ao se deparar com a situação desumana do idoso, imediatamente Reinaldo iniciou uma corrente do bem pelo bairro

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Na verdade, eles precisam de colchão, de agasalho, porque está muito frio, precisam de uma caixa d’água para que a gente possa fazer um banheiro decente”, explicou Reinaldo.

A situação da família

Vivem na casa o senhor José Oliveira, 78 anos, e os dois filhos adultos que têm transtorno mentais, Danilo e Patrícia. Mais um filho do idoso, o vigilante José Oliveira tenta ajudar a família como pode.

gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha

A casa em estado deplorável

A residência possui problemas do telhado até o chão. Nos dias frios a família está sofrendo muito. No vídeo abaixo, o Reinaldo mostra toda a casa. As condições em que essa família vive é muito triste.

“Difícil acreditar que ainda conseguem viver nessa casa. A intenção é devolver a dignidade da família. Queremos fazer um sanitário digno de um ser humano usar”, afirmou Reinaldo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha gari sensibiliza idoso vive condicoes desumanas campanha

Clique aqui e contribua para que essa família tenha uma vida mais digna!

crédito das fotos: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,282,832SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vendedor de amendoim se forma em direito em Petrópolis (RJ)

Ele conta que escolheu ser advogado para lutar contra as injustiças que vê no mundo.

Cães de rua ganham coleiras que refletem luz de veículos e evitam acidentes

Em Xanxerê, no oeste catarinense, os cães que vivem nas ruas estão recebendo coleiras que refletem a luz de veículos para evitar que eles...

Em Curitiba, evento terá palestras de imigrantes e refugiados de sete países

Acontece amanhã, 17, em Curitiba, o Global Talks, uma noite de palestras com sete imigrantes, de sete países diferentes, todos resididos na capital paranaense,...

‘Chavoso’ e aluno da USP: quem é Thiago Torres e o que ele pensa sobre a universidade pública

Morador da periferia de Guarulhos, gay, Thiago Torres faz o estilo ‘chavoso’, traz diversidade para a USP e define a universidade pública como um espaço de emancipação para jovens como ele!

Aos 96 anos, italiano se torna o mais velho do país a se formar em universidade

Giuseppe Paterno é um aposentado de 96 anos e poderia passar seus dias tranquilos, em casa, com a família. Mas ele tinha um sonho...

Instagram

Gari se sensibiliza com idoso que vive em condições desumanas e faz campanha 1