Garotinho ajuda o pai na técnica do canguru com seus irmãos gêmeos recém-nascidos

Conhecida como “método mãe canguru”, essa forma de embalar o recém-nascido permite uma maior participação dos pais no cuidado dos filhotes que nasceram abaixo do peso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela diminui o tempo de permanência do recém-nascido no hospital, aumenta o vínculo afetivo com os pais, estimula o aleitamento materno, entre outras vantagens.

Sem contar as imagens maravilhosas que esse gesto de luz é capaz de produzir: os bebês deitados no peito da mãe, do pai, dos irmãos mais velhos, numa conexão cheia de amor.

Como a imagem a seguir, de um pai e do seu filho com os gêmeos recém-nascidos. A foto foi postada originalmente no ano passado por uma organização de direitos da família dinamarquesa chamada Forældre og Fødsel no Facebook.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Recentemente, a organização com sede na África do Sul NINO Birth republicou a foto no Facebook. Ela já foi compartilhada mais de 22 mil vezes, e o motivo é bem óbvio, não é mesmo?

Leia também: Mãe morre durante o parto, e filho mais velho faz técnica do canguru no irmão recém-nascido

Fonte: Bored Panda | HUFF POST GOOD NEWS

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,513,547SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Pessoas com deficiência visual ganham curso de sommelier de cervejas

Em 2016 fizemos aqui no Razões um projeto no qual me orgulho muito, em parceria com a Vult e o Instituto LaraMara, montamos um...

Jovem trans dá aulas de inglês gratuitas para transexuais em igreja inclusiva no RJ

Thiago Peniche, 21 anos, proporciona a pessoas menos favorecidas um futuro com mais oportunidades no mercado de trabalho, em um ambiente de respeito e acolhimento mútuos.

Plataforma virtual da Nespresso mostra processo de reciclagem das cápsulas de café

Mais transparência no processo de reciclagem das cápsulas de café.

Estudantes se unem para ajudar vendedor de pastéis que trabalha há 43 anos em porta de escola em SP

Cícero Bezerra, 60, vende pastéis há 43 anos na frente da mesma escola. Só que nesse ano os estudantes o surpreenderam de uma forma...

Instagram