Garotinho de dois anos perde macaquinho de pelúcia e resgate mobiliza a internet

O pequeno Aaron, de apenas dois anos de idade, está com febre desde que esqueceu o seu melhor amigo em um ônibus na cidade de Sorocaba (SP). Para encontrar o macaquinho, a mãe do menino, Jéssica Farabotti da Cunha, recorreu à ajuda dos internautas no seu perfil no Facebook.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Procura-se um macaquinho”, escreveu ela na postagem, que, em menos de 24 horas, foi compartilhada quase cinco mil vezes. Ela disse em entrevista ao G1 que Aaron esqueceu o macaquinho no ônibus da linha 14 – Santa Rosália, na terça-feira (5).

“Eu fui buscar ele na creche e percebi já dentro do ônibus que o macaco não estava com ele. A gente acha que caiu dentro do veículo, mas não achamos nada. Descemos e voltamos todo o caminho por vários pontos, e nada de encontrar o bichinho”, conta ela.

O macaquinho “Viny” foi dado de presente pelo pai, Bruno. “Meu marido ganhou esse bichinho há 10 anos. Quando meu filho viu, amou. Não soltava ele por nada. Dá dó vê-lo triste assim”, lamenta.

whatsapp-image-20160706_3_PuVrwN4

Jéssica disse na postagem que Aaron só se acalmou depois que dormiu abraçado com outro bicho de pelúcia, uma corujinha. Mas, mesmo assim, o menino continua sentindo falta do seu estimado macaquinho.

“A gente está tentando se virar para ele não lembrar, mas não tem jeito. É só falar que ele começa a chorar e febre volta”, diz a professora. Internautas se solidarizaram com a situação e chegaram a oferecer até bichinhos semelhantes, mas Jéssica ainda tenta localizar o macaquinho perdido.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A empresa que administra o transporte na cidade informa que quem perde ou esquece algo nos ônibus e terminais pode se dirigir ao Terminal São Paulo, de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h. É preciso preencher um protocolo de retirada. Consultas também podem ser feitas no local, através do telefone (15) 3231-0814 ou pelo site, na aba “Fale Conosco”.

Jéssica conta que já procurou o setor de achados e perdidos da empresa, mas, até o momento, Viny segue desaparecido.

Fotos: Reprodução/Arquivo Pessoal

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

987,752FãsCurtir
1,764,126SeguidoresSeguir
8,645SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem cria escola de lona para alunos carentes em Tocantins e internautas criam vaquinha

Com alguns tecidos, plásticos e madeiras que encontra no lixão, jovem construiu a sua escolinha de reforço. Mas quando chove, ele perde tudo.

Pitbull resgatado de “rinha” não para de sorrir no novo lar

Publicamos no final do ano passado o resgate de 33 pitbulls de uma “rinha” em Itu (SP). O estado dos cães era muito triste. Hoje,...

Menino vende desenhos no portão de casa para ajudar a família e comprar telas

Kayque coloca seus desenhos à venda no portão de casa por R$1,50 para conseguir dinheiro para as telas e para ajudar a família.

Cadeirante que faz entregas em SP sonha ter cadeira motorizada e internautas criam vaquinha

Conheçam o Luciano Oliveira, 44 anos, cadeirante que ficou conhecido por trabalhar como entregador de comida por aplicativo.

Ortobom doa 500 colchões para vítimas de chuva em Raposos (MG)

A Região Metropolitana de Belo Horizonte foi a mais afetada pelas fortes chuvas que caíram em Minas Gerais nas últimas semanas. Um exemplo é...

Instagram