Após perder as patas em atropelamento, gatinho ganha ‘patas biônicas’ e volta a andar

Graças à uma cirurgia experimental liderada pelo médico veterinário Vladislav Zlatinov, um gato conseguiu voltar a caminhar com o auxílio de implantes feitos em suas patas traseiras. As próteses de metal foram suficientes para a imprensa europeia apelidarem-no de primeiro “gato biônico” da Bulgária.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O gatinho se chama Pooh — ele foi submetido a uma operação que até então só havia sido feito na Europa em uma ocasião: na Grã-Bretanha.

O felino tem um ano de idade e é do sexo masculino. Ele perdeu suas patas após ser atropelado, provavelmente por um carro ou trem.

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O veterinário afirma que o gato terá mais possibilidades de sentir-se independente com esta solução do que aquela normalmente aplicada em casos semelhantes: um par de rodas.

Leia tambémMenino faz carrinho para gato andar novamente e comove internautas

Ele baseou a sua intervenção em publicações científicas, tendo que fazer as peças sob medida, uma vez que elas não estão disponíveis no mercado.

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ao término do procedimento operatório, Pooh teve implantado um par de patas de titânio, que podem ser conectadas a próteses externas — como se fossem sapatos.

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

O gatinho precisou de seis semanas (um mês e meio) para se recuperar da operação. Agora, está se acostumando com as novas patas, segundo Zlatinov. O veterinário acrescentou que ele se adaptou às próteses de tal forma que busca sempre mantê-las limpas.

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Após perder as patas em atropelamento, gato ganha 'patas biônicas' e volta a andar

Pooh foi o primeiro gato a ser contemplado com as patas biônicas de Zlatinov. Depois dele, o veterinário operou outros três gatos, e seguirá atendendo a uma lista de espera.

Leia tambémVizinho entra em casa pegando fogo para salvar gatos em Guaíra (PR)

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Hypeness
Fotos: Nikolay Doychinov

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,496,742SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Netflix realiza sessões gratuitas de ROMA em cinemas de SP e Rio

Escrito e dirigido por Alfonso Cuarón, longa terá sessões para convidados em São Paulo e no Rio de Janeiro a partir de 14 de dezembro.

Lindo vídeo mostra cachorro protegendo bebê do barulho do aspirador de pó

Os cães em geral tem um pouco de medo de sons estranhos, desde fogos de artifício até o barulho de um aspirador de pó....

Heroína reencontra coala que salvou de incêndio na Austrália

Toni Doherty reencontrou o coala e lhe deu comida na boca, depois de salvá-lo de um destino trágico! O quadro do animal é estável, mas inspira cuidados.

Escócia alcança 100% de capacidade de produção de energia eólica

A National Grid, empresa responsável pela administração da energia produzida na Escócia comunicou à imprensa que a produção de energia eólica do país foi...

Criança de doença rara e sem cura dá lição de vida e internautas criam vaquinha para ajudar no tratamento

O menino Pedrinho tem uma doença genética que causa lesões semelhantes a queimaduras em todo o corpo. Cada troca de curativos leva 3 horas. A...

Instagram