Empresa oferece a mães colaboradoras sala de amamentação

Iniciativa integra projetos voltados às mães da Kimberly-Clark, com direito a amamentarem seus filhos neste espaço até os 12 meses e ainda levar acompanhante em viagens a trabalho com tudo pago pela companhia.


Empresa oferece a mães colaboradoras sala de amamentação 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

A empresa de cuidados pessoais Kimberly-Clark lançou em janeiro deste ano uma nova política para as colaboradoras que são mães de bebês de até 12 meses. A iniciativa permite que elas consigam amamentar seus filhos até quando precisam viajar a trabalho, podendo levar um acompanhante, com todas as despesas pagas pela companhia.

A intenção é apoiá-las neste momento de retorno ao trabalho após o período de licença-maternidade e ainda garantir que o vínculo da amamentação seja mantido.

Confira a seguir a conversa que o Razões teve com a empresa e conheça quais os outros benefícios que as mães colaboradoras da Kimberly-Clark possuem.

K-C Cuida Materna

Segundo a diretora de RH da Kimberly-Clark, Alessandra Morrison, a nova política para mães colaboradoras surgiu do comprometimento da empresa com suas mães consumidoras.

“Ao levar esta mensagem para nossas mães consumidoras, nos perguntamos em o que poderíamos fazer para as nossas mães colaboradoras para garantir esta proximidade e este vínculo com seus bebês e assim surgiu a ideia desta nova política, ao garantir coerência entre nosso discurso e nossas práticas”, explica a diretora.

Ela ressalta que a empresa cuida de seus colaboradores “da mesma maneira que zela por sua relação com clientes e consumidores e a comunidade onde está inserida”. Além de incentivar as mulheres no mercado de trabalho por também se preocupar com a “equidade de gênero”.

Esta igualdade se refere ao compromisso da gestão global da empresa que integra suas metas de negócio. “Hoje, 42% das pessoas que fazem parte dos cargos de diretoria são mulheres. Atualmente, 39% dos cargos de liderança são ocupados por mulheres”, ressalta Alessandra.

Empresa oferece a mães colaboradoras sala de amamentação 2
Diretora de RH da Kimberly-Clark, Alessandra Morrison. Foto: Divulgação

Programa de Acompanhamento Materno

Como um dos principais benefícios da companhia e lançado em outubro deste ano, o Programa de Acompanhamento Materno para colaboradoras gestantes e dependentes é um projeto que disponibiliza uma enfermeira dedicada exclusivamente à gestante, com o objetivo de prestar apoio do começo ao fim da gestação e também em seu período de retorno ao trabalho.

Além das mães colaboradoras, os casais homoafetivos e as esposas dos pais da Kimberly-Clark também têm direito a este serviço, que inclui tirar dúvidas sobre a gestação e ainda contar com um suporte emocional nesta fase.

Todo o acompanhamento é realizado via telefone em atendimentos mensais, agendados conforme dia e horário em que a mãe tem disponibilidade.

Sala de Amamentação

A empresa também oferece outros benefícios às mães. É o caso da Sala de Amamentação, inaugurada em fevereiro de 2016, em seu escritório de São Paulo. A iniciativa foi criada para atender o Projeto Mulher Trabalhadora que Amamenta, criado pelo Ministério da Saúde, que também foi o responsável em certificar o espaço.

Neste local, a principal atividade é manter o vínculo da amamentação, oferecendo às colaboradoras um ambiente adequado para que consigam conciliar a volta ao trabalho com a amamentação de seus bebês. “Criamos a sala, pois acreditamos na importância da conexão da mãe com seu filho durante os primeiros 12 meses”, afirma Alessandra.

Além disso, a Kimberly-Clark oferece às mães colaboradoras seis meses de licença-maternidade. No entanto, em casos de prematuridade, o período é estendido na intenção de que os pais tenham mais tempo de convívio com o recém-nascido em suas casas. Com isso, os bebês nascidos de até 28 semanas, a licença é prorrogada por mais dois meses. E nos nascimentos entre 28 e 37 semanas, a licença é estendida em mais um mês. Já em relação a casos de adoção, também é mantida a licença-maternidade de seis meses.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Outros benefícios

Auxílio Filho Excepcional: Voltado a mães ou pais que tenham filhos que necessitem de tratamento ou de educação especializada.

Auxílio creche: As mães colaboradoras têm direito a um reembolso para suas despesas com creche, escolas ou babá para seus filhos, com um valor e limite de idade de até 6 anos.

Isenção de coparticipação do plano de saúde: Colaboradoras mães e esposas dos colaboradores pais da Kimberly-Clark têm direito à isenção de coparticipação do plano de saúde ao longo do período de gestação.

Kit Bebê: A empresa entrega às gestantes e pais da Kimberly-Clark um kit com produtos de uma de suas marcas, a Huggies. Também é disponibilizado um kit para que a mãe realize o processo de extração de leite, que inclui: duas bolsas térmicas, uma bomba extratora de leite manual, dois frascos de vidro para armazenamento do leite materno.

Ainda pensando no bem estar de suas mães e pais colaboradores, a companhia adota a política de home office; sexta-feira curta e jornada de trabalho com horário flexível.

Mãe colaboradora

Para a especialista em comunicação corporativa, Carolina Gancho, trabalhar em uma empresa que se preocupa com o bem estar das mães fez toda a diferença.

A especialista conta que poder usufruir da sala de amamentação oferecida pela Kimberly-Clark “foi essencial para garantir a continuidade da amamentação da minha filha no retorno ao trabalho”. Ela usou o espaço por seis meses para retirar o leite materno e armazená-lo e depois levado para a escola de sua filha. Apesar de nunca ter amamentado nesta sala por morar longe do escritório, Carolina afirma que a “sala foi fundamental para eu poder garantir o leite para ela no período da minha ausência”.

A especialista também contou sobre a política da empresa em que as mães podem levar um acompanhante em viagens a trabalho, totalmente custeado pela Kimberly-Clark.

“Eu tive a oportunidade de usufruir desse benefício em uma viagem que fiz a trabalho e precisei ficar uma semana fora. Foi essencial para manter a amamentação da minha filha.”

Fora os benefícios, para a colaboradora a possibilidade de trabalhar em um ambiente que promova o respeito e o acolhimento também é importante, pois na Kimberly-Clark “existe uma cultura genuína de inclusão de mães e mulheres, de busca verdadeira por equidade de gênero”.

Empresa oferece a mães colaboradoras sala de amamentação 3
Carolina e sua filha

Ela se sente mais segura em saber que pode desempenhar de forma plena tanto seu lado profissional como o de mãe.

“Minha filha hoje tem 1 ano e 10 meses e eu continuo amamentando. Hoje ela não precisa mais do meu leite enquanto estou ausente, só a amamento pela manhã e quando retorno do trabalho. Manter a amamentação prolongada é um motivo de muito orgulho para mim e fico feliz de ter tido a Kimberly-Clark como minha parceira nesse processo”, conclui.

Tanto para a empresa como para suas colaboradoras, o compromisso, respeito e equidade de gênero são fundamentais para que o ambiente de trabalho seja saudável.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.
PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar