Mulher viaja em Londres em sua scooter para se desculpar com líder religioso


Foto: TWITTER / SCREENGRAB
PUBLICIDADE ANUNCIE

Julie Simpson, uma moradora de Ilford (região da Grande Londres), foi com sua scooter motorizada até a região de Finsbury Park, (norte de Londres) para se desculpar com o herói que protegeu as pessoas do ataque terrorista que aconteceu no mesmo local, na última segunda- feira (19).

Uma pessoa morreu e dez ficaram feridas após uma van atropelar pessoas perto de uma mesquita na madrugada.

Mohammed Mahmoud, o herói,  acalmou a população até a polícia chegar, o que aconteceu logo após a meia-noite do dia 19.

Foto: TV Grab

Julie foi até à  mesquita do Parque Finsbury para se desculpar com o imã.

A Srta. Simpson disse para o líder:

“Vim aqui porque as pessoas que fizeram isso não são inglesas. Eles não são cristãos, são animais, são porcos. Muçulmanos, ingleses, no Alcorão e na Bíblia, diz que você deve amar o seu irmão como a si mesmo. Você faria isso com seu irmão? Por favor, peça desculpas à comunidade. Isso acaba com o meu coração.”

 

PUBLICIDADE ANUNCIE

E o imã, visivelmente tocado por sua visita, respondeu:

“Eles são um grupo marginal de criminosos e extremistas e não representam os muçulmanos. Essas pessoas não representam os grandes povos da Grã-Bretanha.”

A mulher concordou e explicou que sentiu em seu coração que ela tinha que visitar a mesquita depois de assistir as notícias na TV e ter chorado.

O vídeo termina com o líder dizendo:

“Você não precisa pedir desculpas porque ele não representa você. Este criminoso não representa você e ele não representa a Grã-Bretanha.”

Logo em seguida do suposto ataque terrorista no Finsbury Park, houve uma avalanche de apoio à comunidade muçulmana dos moradores locais.

Via

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar