Obstetra confecciona à mão mantas para cobrir os bebês que ele traz ao mundo


Obstetra confecciona à mão mantas para cobrir os bebês que ele traz ao mundo
PUBLICIDADE ANUNCIE

O médico obstetra Erik Bostrom, 33 anos, não tinha experiência alguma com costura ou mesmo uma costureira na família que pudesse lhe ajudar com uma ideia que teve para oferecer mais conforto aos bebês que trazia ao mundo em seus costumeiros partos no Minnessota, Estados Unidos.

Ele decidiu comprar uma máquina de costura usada e aprendeu a confeccionar mimos para seus pacientes. Em entrevista ao canal Fox 9, o obstetra afirmou que começou essa ‘tradição’ após ingressar na equipe médica do Centro de Cuidados Médicos Riverwood, em Aitkin.

A ideia foi sugestão de uma enfermeira para trazer mais segurança para o papai e a mamãe do recém-nascido. Só que Erik não sabia costurar – a não ser pontos de cirurgia -, mas ele não desanimou, e com a ajuda de uma conhecida, aprendeu a confeccionar mantas em tamanho miniatura para os bebês. “Na realidade, não é tão difícil como eu pensava”, afirmou.

Obstetra confecciona à mão mantas para cobrir os bebês que ele traz ao mundo
As mantinhas levam nome, data de nascimento, peso e altura do bebê

Dois anos após começar a ‘tradição das mantas’, o obstetra tem dominado a arte da costura aos poucos. Ele expandiu suas habilidades e passou a incluir, também, bordados. Agora, as mantinhas são personalizadas: levam nome, data de nascimento, peso e altura do bebê.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Erik gostou tanto desse hobbie que reservou um quarto inteiro de casa só pra isso. 😍

Obstetra confecciona à mão mantas para cobrir os bebês que ele traz ao mundo

As mamães adoraram a iniciativa. “É um lindo cobertor. É algo que ela vai valorizar por toda a vida”, declarou Lacie Hietalati. “Ele usa o tempo livre para fazer isso por seus pacientes. Isso é demais”, completa. Ela afirma que o presente ajudou a aliviar seu estresse no hospital, e tem mais certeza ainda de que escolheu o médico certo.

Erik leva em média três horas para confeccionar uma manta; geralmente, ele presenteia dois bebês por mês com o presente. “Os pacientes costumam ficar super agradecidos”, finaliza.

Leia também: Médico conforta bebê de mãe solo enquanto ela estava na emergência

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: Aleteia/Fotos: Reprodução/Fox 9

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar