Polícias de PE constroem casa para senhora que morava em barraco coberto por plástico com dois filhos


PUBLICIDADE ANUNCIE

O caso aconteceu no final do ano passado, às vésperas do natal. Nove policiais do 17º Batalhão da Polícia Militar realizaram o sonho de uma família desabrigada, em Itapissuma (Pernambuco).

Os policiais entregaram uma casa construída por eles mesmos para Laudice França Melo, 53 anos, que vivia em um barraco de madeira, coberto por plástico, com seus dois filhos.

Um deles, a cabo Flávia Ventura, conheceu a família há quatro anos através de uma ação da Polícia Amiga, que tem como objetivo afastar crianças e adolescentes da criminalidade.

Na época, o projeto visitou a escola dos filhos de Laudice e notou nos meninos de oito e nove anos de idade um comportamento estranho. Foi quando a PM se interessou em conhecer a realidade deles.

Os policiais descobriram que eles viviam com a mãe em condições desumanas, debaixo de um segundo barraco de madeira erguido depois da chuva levar a primeira moradia.

Desde então, a Polícia Militar se mobilizou para ajudar a família com doações de cestas básicas e roupas, mas não bastava. Laudice e os filhos precisavam de um lugar digno para morar.

“Tiramos fotos e fizemos um cartaz que foi exibido na sede do batalhão e levado para outros batalhões. Abrimos uma conta para arrecadar doações em dinheiro, mas não foi o bastante. Decidimos ir a campo, pedir o apoio de amigos e comerciantes locais, de onde veio a maior ajuda. Um armazém doava tijolos, o outro cimento, o outro telhas”, comentou Flávia.

PUBLICIDADE ANUNCIE

barr

pol

via [Racionalista]

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar