Ginasta que vendia cocada para disputar campeonato conquista ouro: “Estamos radiantes”

Quando contamos pela primeira vez a história da pequena ginasta Letícia dos Santos Nery da Silva, 8 anos, de Pinheiral (RJ), era para relatar o triste desabafo da mãe Mariana dos Santos Silva, 36 anos, de que não tinha conseguido o dinheiro da viagem para o campeonato Sul-Americano na Colômbia, mesmo com os esforços da sua pequena ginasta com a venda de cocadas. Relembre essa história aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas, com a repercussão da história após publicação da matéria do Razões, em menos de 24h, através de uma vaquinha online que a própria mãe tinha lançado, elas conseguiram não somente bater a meta, como quase duplicá-la! 

Ajuda para campeão de jiu-jitsu que vende biscoitos para competir

Com pouquíssimos dias para o campeonato, a mãe comprou as passagens e deu a ótima notícia para todos os internautas que investiram nesse sonho! O campeonato teve início dia 3 de setembro, e encerrou ontem a noite, dia 8. 

Ver essa foto no Instagram

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma publicação compartilhada por Razões Para Acreditar (@razoesparaacreditar) em

Ajuda para campeão de jiu-jitsu que vende biscoitos para competir

Ginasta fatura ouro e prata no Sul-Americano 

Portanto, ontem à noite (08), recebemos a incrível notícia de que a Letícia faturou a medalha de ouro no trampolim sincronizado e a prata do duplo minitrampolim! Agora, a ginasta está classificada para o mesmo campeonato que acontece ano que vem na Bolívia. 

ginasta medalhas campeonato
Foto: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Estamos radiantes!”, comemorou a mãe ao Razões.  

Caminho difícil até chegar ao campeonato 

Mas, a compra das passagens não foi a única dificuldade que essa pequena campeã e sua mãe enfrentaram. Por conta do trânsito, elas não conseguiram chegar a tempo no primeiro dia do Campeonato. 

“Pegamos um engarrafamento muito grande na Dutra, e depois ficamos presas na imigração. Então perdemos o voo, e ainda gastamos com a remarcação de passagem. Chorei muito, mas no fim, deu tudo certo!”, contou a mãe. Ufa! 

Mãe, parabéns por acreditar no sonho da sua pequena ginasta e nós ficamos muito felizes, de verdade, que no fim, ela saiu ainda com duas medalhas! Isso, aí, continuamos acreditando sempre! 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

razões para acreditar

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,502,658SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cachorra abandonada por ser “carinhosa demais” é adotada por família tão amorosa quanto ela

Pode parecer bizarro, mas um homem abandonou sua cachorra porque ela era "carinhosa demais". Jubilee, que tem um ano de idade, foi entregue ao Abrigo...

Morador de rua viciado em crack revitaliza praça no centro de São Paulo

“Não faço isso por dinheiro nem por glória. Faço para controlar minha ansiedade.”

Lhama Terapia leva conforto e sorrisos para pacientes em hospital

Um visitante bem improvável fez uma parada em Germantown, Tennessee, em um hospital para animar alguns pacientes. Na terça-feira passada, os doentes com Methodist Le Bonheur...

Apesar de tudo que aconteceu em 2016, a tendência para a humanidade é muito positiva

Em 1950, um quarto da população mundial já havia saído da situação de extrema pobreza. Hoje esse numero já é de 90%.

Em Serra Negra, artista plástico revitaliza bicicleta jogada fora e dá para vizinho haitiano

É disso que a gente fala quando diz que o brasileiro sabe dá exemplo pro mundo! Um arquiteto e artista plástico da cidade de...

Instagram