Grupo oferece consultas de psicanálise gratuitas na praça Roosevelt

Esse grupo de psicanalistas teve uma ótima iniciativa afim de ajudar os moradores de São Paulo. Eles realizam consultas gratuitas de psicanálise para as pessoas que passam pela praça Roosevelt. A criação do projeto teve como base na Clínica Aberta de Psicoanálise da Vila Itororó, localizada no Bom Retiro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO


Clique no play acima para ouvir essa matéria!

Os atendimentos acontecem todos os sábados, a partir das 11h, seguido por sessões ao 12h, 13h e 14h, realizadas por ordem de chegada. Eles se concentram embaixo do pergolado, e em dias chuvosos ficam próximos ao Espaço Sátiros ou sob a estrutura de madeira do café.

Grupo oferece consultas de psicanálise gratuitas na praça Roosevelt 2

Grupo oferece consultas de psicanálise gratuitas na praça Roosevelt 3

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Há uma lista prévia providenciada para que as pessoas consigam se organizar e vejam a ordem de atendimento. A proposta,que foge do modelo tradicional, é fazer com que o paciente seja atendido por um profissional diferente a cada sessão.

“A Clínica Aberta de Psicanálise vem do desejo de um grupo de analistas de que a psicanálise possa existir para além do consultório privado, de forma acessível e ampla na vida da cidade, intervindo nas condições de vida existentes a partir do entendimento do que é a vida inconsciente.”, explicam em sua página no Facebook.

Dúvidas e outras informações podem ser enviadas para o seguinte e-mail: [email protected]

Via

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fotos: Reprodução Facebook

 

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Ao som de “Ralando o Tchan”, amigos fazem “mistura do Brasil com o Egito” em vídeo hilário

Olha aí porque muito brasileiro não pode ir pro Egito! 😂 Ao som de "Ralando o Tchan", do grupo de pagode formado pelos cantores Compadre...

Vídeo de menino querendo virar amigo de cacholinho viraliza

"EI, VC QUER SER MEU AMIGO, CACHOLO?"

Legislação da Bolívia deixa de considerar homossexuais e bissexuais como “promíscuos”

A Bolívia retirou de sua legislação um artigo que qualificava homossexuais e bissexuais como "promíscuos". A mudança ocorre após forte pressão e luta da...

Novo app quer ajudar mulheres vítimas de violência em tempo real

A Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Comesp) lançou o projeto “A Tecnologia...

Pai refugiado que vendia canetas na rua agora tem três empresas e emprega outros refugiados

Abdul Halim al-Attar, um refugiado da Síria que foi fotografado vendendo canetas nas ruas de Beirute, agora é dono de três empresas na cidade após uma campanha de crowdfunding on-line em seu nome que arecadou US$ 191.000.

Instagram

Grupo oferece consultas de psicanálise gratuitas na praça Roosevelt 4