Harry e Meghan renunciam privilégios da Família Real

O príncipe Harry e a princesa Meghan, duques de Sussex, anunciaram que pretendem abrir mão dos privilégios que carregam como membros da família real britânica.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Após muitos meses de reflexão e discussões internas, optamos por fazer uma transição este ano, começando a desempenhar um novo papel. Pretendemos renunciar como membros da Família Real e trabalhar para nos tornar financeiramente independentes, enquanto continuamos a apoiar totalmente Sua Majestade a Rainha”, disseram os dois, em publicação oficial.

A decisão de se afastar do núcleo duro da família real, sem precedentes na história da realeza britânica, foi encorajada pela própria rainha Elizabeth, que é a chefe de Estado de todo o Reino Unido.

Os duques, pais do pequeno Archie, 8 meses, anunciaram também que pretendem passar mais tempo na América do Norte, mas não confirmaram que vão se mudar de vez para o Canadá ou para os Estados Unidos, terra natal de Meghan.

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) em


“Agora, planejamos equilibrar nosso tempo entre o Reino Unido e a América do Norte, continuando a honrar nosso dever para com a Rainha, a Commonwealth e nossos patrocínios [instituições sociais das quais são patronos, como os Invictus Games, por exemplo”, anunciaram, no Instagram.

Leia também: Príncipe Harry refaz visita de Princesa Diana a campo minado na África

Harry e Meghan transição Família Real

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A ideia é passar mais tempo entre os dois continentes, visando a melhor criação do filho e mais tempo de dedicação a uma entidade social que pretendem fundar em breve — os dois não deram mais detalhes sobre a organização.

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: UOL/Fotos: Dominic Lipinski

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,261,441SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Campanha para ajudar menina com paralisia cerebral voltar a dançar bomba na internet

A pequena Finley foi adotada aos 9 meses com o diagnóstico de paralisia cerebral, que dificulta sua locomoção. Ela conta com a solidariedade dos...

Criança emociona e vira exemplo ao dar carinho e afeto para idosa de 100 anos, em Leopoldina (MG)

O cuidado e atenção de Theylon com dona Maria Aparecida é algo emocionante. Eles não são parentes, mas de longe a gente sente aquele...

Aluna do ‘Samuzinho’ salva irmão de 7 meses engasgado com leite materno

Ao ver seu irmão de sete meses se engasgar devido a um rápido descuido da avó, Ana Beatriz, 12 anos, salvou a vida de...

Pai refugiado que vendia canetas na rua agora tem três empresas e emprega outros refugiados

Abdul Halim al-Attar, um refugiado da Síria que foi fotografado vendendo canetas nas ruas de Beirute, agora é dono de três empresas na cidade após uma campanha de crowdfunding on-line em seu nome que arecadou US$ 191.000.

Projeto ‘Lata 65’ ensina idosos a arte do grafite em Lisboa

Idosos com mais de 60 anos estão deixando a cidade mais colorida.

Instagram