Herói da vida real: mulher reencontra celular perdido graças a honestidade desse homem

O Homem- Aranha é um herói que abusa da sua agilidade e habilidade de conseguir aderir na maior parte das superfícies, para ser mais rápido na luta contra o mal, enquanto a Mulher-Maravilha usa o laço da verdade e possui uma força sobrenatual para defender as pessoas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os heróis dos filmes são maravilhosos, mas não se comparam aos verdadeiros, como é o caso do Sr. Norberto.

Cynthia Santos Menezes, de Belo Horizonte (MG), havia perdido o celular e já estava sem esperanças de encontrá-lo.

“Ao sair do carro de manhã, meu celular deu um mergulho para a liberdade sem que eu visse e ficou ali, em pleno chão da avenida João Pinheiro, famoso centro da cidade, completamente vulnerável”, conta.

O Sr. Norberto o avistou e o guardou, sabendo que a pessoa que o perdeu deveria estar aflita. Ao perceber que tinha perdido seu telefone, Cynthia ficou desesperada e ligou para o número, onde do outro lado da linha, o senhor a acalmou e lhe disse palavras doces.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Fiquei imaginando a aflição que ela deveria estar, quando ouvi sua voz no telefone lembrei na hora da minha filha”, ele disse. Ao bater papo com o Sr. Norberto, ela se emocionou ao perceber que aquele “pequeno” gesto de cuidado e atenção, lhe restaurou a crença no outro e a esperança de dias melhores.

“O Sr. Norberto veio pra me lembrar que ainda existe, sim, gente do bem e que quer o bem do outro, que age certo porque é aquilo é o certo a se fazer, e persiste em ser honesto em terras obscuras”, disse.

Pode parecer que ele não fez nada mais que a obrigação, mas em tempos como o nosso, que a corrupção e a desonestidade prevalecem, é reconfortante saber que ainda existem pessoas honestas e que lutam para o bem dos outros.

“Meu tipo de herói favorito é esse que acorda às cinco da manhã, veste sua roupa de herói anônimo e vai ganhar a vida da melhor maneira que sabe e consegue, que batalha, corre atrás do seu sustento e de sua família e não se deixa corromper pelas escolhas fáceis. Peço a Deus pra que continue me abençoando com anjos como esse pelo meu caminho e pra que o mundo seja menos vilões de gravatas e mais heróis Norbertos!”, conclui Cynthia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foto: arquivo pessoal

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,855,215SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Quem foi que disse que velhice é doença?

A psicóloga de idosos Raquel Ribeiro (CRP 06/73384), 35 anos, é uma voz ativa no enfrentamento dessa visão negativa da velhice. Ela acredita que os idosos têm totais condições de serem pessoas ativas: a palavra-chave é “adaptação”. O aumento da dependência e dos casos de depressão são alguns dos efeitos mais devastadores quando se associa a velhice à fragilidade.

Uma garrafa que transforma água imunda em totalmente potável

Michael Pritchard é um expert em tratamento de água, que mostrou-se totalmente indignado com a forma que a população da Ásia estava vivendo depois...

Pai de autista faz pedido nas redes e milhares de pessoas aceitam jogar videogame com seu filho

O francês Florent Chapel nunca poderia esperar que um pedido simples numa rede social alcançaria tantas pessoas. Pai do jovem autista Galaad Chapel, 15...

Garotinho faz vídeo para explicar como é a vida do seu irmãozinho autista

Garotinho explica, didaticamente, como é a vida do seu irmãozinho autista.

Ex-catador inaugura posto de combustível que construiu com as próprias mãos

Como diz a canção: ‘Dias de Luta, Dias de Glória’.

Instagram