Histórico: criança é autorizada pela Justiça brasileira a trocar de nome e gênero

Hoje com 9 anos, os pais de Leandro entraram com uma ação na Justiça para o filho mudar sua identidade de gênero e tornar-se mulher legalmente em 2012. O caso aconteceu na cidade de Sorriso, no Mato Grosso, a 420 km da capital Cuiabá.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pela primeira vez na história do país um juiz concede a uma criança o direito de modificar seu nome e gênero em seus documentos.

genero-INT-e1454412594748

O juiz Anderson Candiotto declarou que o comportamento e a aparência da criança eram evidentemente femininos. Além disso, laudos e avaliações psíquicas foram emitidos pelo Ambulatório Transdisciplinar da Identidade de Gênero e Orientação Sexual, do Hospital das Clínicas de São Paulo.

Leandro agora é Luiza. Ela conta que se sente aliviada porque não terá mais problemas sempre que alguém conferir seus documentos. Luiza lembra do estranhamento de algumas pessoas quando ela chegava em algum lugar e a chamavam de Leandro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja algumas capas de revista sobre crianças transgêneros que estão contribuindo para essas conquistas legais acontecerem:

nova_escola-gde

criancas-e-adolescentes-trans-gde

via [Hypeness]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,293,090SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Roberta Miranda interrompe show para socorrer fã no interior de SP

Eterna "rainha sertaneja", Roberta Miranda deu um show de amor, carisma e humanidade em uma apresentação realizada na noite da última quarta-feira, 10, no...

Fotógrafo captura pessoas se beijando nos últimos 30 anos em NY

Durante trinta anos, o fotógrafo Matt Weber foi à captura de cenas espontâneas de paixão nas ruas de NovaYork. Sua coleção Urban Romance revela...

Neurocirurgião reduz salário em 25% para atender mais pacientes

O corte salarial de 25% no hospital em que é assalariado nos EUA possibilita que o neurocirurgião use suas férias prolongadas para seguir com sua vocação filantrópica na Nigéria.

A Nike assinou o primeiro contrato com atleta com paralisia cerebral

Uma vez mais pioneira na luta por inclusão e representatividade nos esportes universitários, a Nike fez história ao assinar o primeiro contrato com um...

Depois da formatura, ela foi até o trabalho de seu pai, que é pedreiro, para agradecê-lo

Se tem uma coisa que a paraguaia Yudit Romero reconhece é o sacrifício que o pai fez para lhe dar a melhor educação possível. Don...

Instagram

Histórico: criança é autorizada pela Justiça brasileira a trocar de nome e gênero 2