Homem leva 300 animais abandonados para casa para protegê-los do furacão Delta, no México

0
4201

Logo que o mexicano Ricardo Pimentel soube que o furacão Delta atingiria o seu país, ele resolveu proteger toda a família. E isso incluía os mais de 300 animais que mantém no abrigo que ele fundou há 10 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ricardo abriu sua casa para 300 cães, algumas dezenas de gatos, pintinhos, coelhinhos e até um ouriço, que ele resgatou nos últimos dias.

Ricardo resgatou 300 cães

Ricardo cuida de animais há pelo menos 10 anos. Ele mantém todos os bichinhos em um espaço com todos os cuidados necessários, o Tierra de Animales.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para transportar os animais sem riscos, ele contou com a ajuda de vários voluntários do abrigo. Ricardo também comprou muita comida, para ter um estoque suficiente durante todo o tempo de isolamento.

Ricardo resgatou 300 cães

Em casa, Ricardo dividiu os animais por cômodo. No quarto do filho ficaram os gatos. Já no quarto da filha estavam os pintinhos, os coelhinhos e o ouriço. O pátio coberto da casa, ele deixou as ovelhas. Em uma das salas, cozinha e outras áreas, ele separou os cães.

Ricardo contou que isso resultou em muita bagunça e um cheiro um pouco desagradável, mas ele garante que não se arrepende de ter ajudado os animais.

cachorros resgatados

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As coisas que eles quebradas podem ser consertadas ou compradas, mas o que é lindo de ver é eles felizes, saudáveis e seguros, sem ferimentos e com a possibilidade de serem adotados”, afirmou.

FONTE: Tá Bonito e The Guardian

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.