Marido cuida há 12 anos da mulher em estado vegetativo e dá lição de amor

Há 12 anos, o paraibano de Alagoa Grande, Adílio Bezerra, 54 anos, se dedica em cuidar da sua esposa que ele chama carinhosamente de “linda Glaucia” e cumprir o juramento feito nos votos de casamento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 2007, Gláucia do Nascimento Bezerra, que trabalhava como professora, sofreu um AVC e ficou em estado vegetativo persistente.

“Nós levávamos uma vida normal, até que tudo mudou na madrugada do dia 18 de setembro de 2007. Ela levantou passando mal, pálida e com dificuldade de respirar. Ela desmaiou e nós fomos para o hospital”, contou seu Adílio.

homem que cuida da mulher em estado vegetativo lendo a bíblia para ela
“Ao longo do dia, procuro interagir ao máximo com ela. Leio a Bíblia, toco e canto louvores cristãos. Me declaro, digo que a amo, beijo e abraço”. Foto: Arquivo pessoal

Para ajudá-lo nos cuidados com a esposa, como medicamentos, fraldas, dieta, itens de higiene pessoal, acompanhamento médico e um cuidador profissional, lançamos a sua vaquinha na VOAA. Para contribuir, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Adílio cuida sozinho da esposa desde 2012

A esposa do seu Adílio ficou internada no hospital por cinco anos. Ele era radialista e trabalhava como funcionário público. Para ficar mais tempo com a Glaucia, ele abandonou o rádio e manteve só o cargo de funcionário público.

No dia 21 de dezembro de 2012, ela recebeu alta e eles foram para casa. Como a família não tem home care, seu Adílio montou uma estrutura simples e, hoje, cuida sozinho da esposa.

“Aprendi com os enfermeiros a trocar fralda, a dar banho, a depilar a área pubiana e a fazer a aspiração traqueal.”

homem que cuida da mulher em estado vegetativo em foto antiga dos dois
Adílio e a Gláucia se conheceram em 1986. “Assumi as duas crianças que ela tinha e depois tivemos mais dois meninos. Oficializamos a união em 1992”. Foto: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Atualmente, seu Adílio está há 5 meses afastado da profissão de agente sócio orientador em casas que abrigam adolescentes em situação de risco. A licença foi concedida por conta da sua situação com a esposa.

“A minha maior preocupação é quem vai cuidar da Gláucia quando eu voltar da licença. Hoje meus filhos casaram e tem a vida deles. A situação está bem complicada.”

Para contribuir com a sua vaquinha, clique aqui.

homem que cuida da mulher em estado vegetativo com os filhos ao lado dela
“Há 12 anos meus filhos estão sem a mãe, e eu sem minha mulher. Sinto falta da vida que tínhamos, da companhia, das conversas e do sorriso dela”. Foto: Arquivo pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Não desisto porque o amor não deixa”

Atualmente, o estado de saúde da Gláucia é estável, ela segue em estado vegetativo persistente. A cada seis meses, ela recebe assistência médica por meio do Programa Saúde da Família.

“Ao longo do dia, procuro interagir ao máximo com ela. Leio a Bíblia, toco e canto louvores cristãos. Me declaro, digo que a amo, beijo e abraço. Tudo o que faço por ela é espontâneo e de coração, não espero receber nada em troca.”

homem que cuida da mulher em estado vegetativo beijando ela
Foto: Arquivo pessoal

Segundo os médicos, não há chance de reversão do quadro dela. “Eu respeito a medicina, mas se fosse pelo prognóstico, nem viva ela estaria. Ela é um milagre de Deus.”

“São 12 anos e quatro meses cuidando da linda Gláucia. Quando nos casamos, fizemos os votos de viver um para o outro, de ser uma só carne como está na Bíblia. Tenho certeza que se fosse o contrário ela faria o mesmo por mim.”

Vamos dar esse suporte para o seu Adílio? Clique aqui e faça a sua contribuição!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,274,824SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Anônimo doa bilhete premiado da Mega a menino doente que havia “fugido” do hospital

Ele conseguiu o que muita gente sonha, ganhar na Mega-Sena. Com uma quadra premiada no Concurso 1753 (21/10/2015), esse apostador anônimo doou tudo para uma...

Nova lei aumenta pena para quem maltratar cães e gatos: 2 a 5 anos

Quem agora maltratar cães e gatos no Brasil será punido com dois a cinco anos de prisão. A nova lei foi sancionada pelo presidente Jair...

Mãe cria projeto para ajudar filho com síndrome rara e auxilia outras famílias com a mesma doença

André tem Distrofia Muscular de Duchene (DMD), uma síndrome rara que ainda não tem cura.

Ligue para o ‘Disk Árvore’ e a prefeitura de Votuporanga vem plantar uma em sua casa

Um ótimo incentivo para engajar os cidadãos na arborização da cidade.

Alerta fofura: O antes e o depois de cachorros que ganharam novo visual

A fotógrafa especialista em fotografias de animais, Grace Chon, produziu um ensaio que mostra o antes e o depois de cachorros que tiveram seus...

Instagram

Marido cuida há 12 anos da mulher em estado vegetativo e dá lição de amor 2