Homem instala geladeira na rua para incentivar doação de alimentos

No Oriente Médio, um homem encontrou uma solução simples e colaborativa para ajudar a reduzir a fome e o desperdício de alimentos no próprio bairro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele instalou uma geladeira em frente à casa onde mora, na cidade de Ha’il, na Arábia Saudita, e convidou os vizinhos a doarem comida excedente, abastecendo o eletrodoméstico. Simples assim.

Segundo o saudita, que preferiu permanecer anônimo, além de facilitar a doação, a atitude vai poupar pessoas necessitadas da vergonha e da dificuldade de pedir comida.

Enquanto 842 milhões de pessoas passam fome no mundo, cada indivíduo desperdiça, anualmente, 280 quilos de alimentos. A estimativa foi divulgada pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) em abril.

Infelizmente, a iniciativa solidária do saudita dificilmente seria colocada em prática no Brasil. Isso porque existem alguns obstáculos, como uma lei que confere responsabilidade civil e criminal por dano ou morte àquele que contribui com alimentos e cobrança de impostos sobre os produtos doados por indústrias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

saudita-instala-geladeira-combate-fome

Publicado originalmente no site Planeta Sustentável.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM





Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,272,461SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Orcas nadando sob arco-íris é a imagem que você precisa para parar e respirar

Um vídeo que mostra orcas nadando em uma enseada com um lindo arco-íris ao fundo é a visão mais deslumbrante e terapêutica que você...

Pai constrói equipamento para levar filho com paralisia cerebral à São Silvestre

Um mundo de igualdade e respeito. É isso que os pais de Gabriel, de 7 anos, sonham para o futuro do filho. A criança...

Eles ajudam o próximo, mas sabem que estão ajudando a si mesmos

A Mayara e o Renan são voluntários na AACC (Associação dos Amigos das Crianças com Câncer) de MS,  e nos enviaram esse lindo relato sobre essa...

Mãe cria vaquinha para comprar remédios furtados da mochila de filho autista

A dona de casa Cynthia Ribeiro, 46 anos, perdeu a mochila com os remédos do filho autista no caminho para uma consulta médica. Após uma...

Homem cria serviço que auxilia idosos a se locomoverem em Lajeado (RS)

O serviço ajuda idosos a se locomoverem, passearem, resolverem problemas, ou apenas receberem um pouco de atenção.

Instagram