Homem larga tudo para viajar pela Austrália com sua gatinha de estimação

Rich East, de 32 anos, decidiu mudar de vida após trabalhar há 10 anos em um ambiente corporativo ruim e passar por um término de relacionamento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele vendeu sua casa e os seus bens, pegou uma van e caiu na estrada com sua companheira fiel: uma pequena gata preta chamada Willow.

Quando o Rich começou a planejar essa mudança, ele só conseguia pensar que não queria deixar sua gata trás. Como um meio de avaliar o quanto essa vida seria confortável em uma van, ele começou a levar Willow para pequenos passeios nela, em torno de sua cidade natal em Hobart, na ilha da Tasmânia. A gata adorou, surpreendendo Rich.

“Eu logo percebi que o que eu pensava ser uma gata caseira era, de fato, uma aventureira”, brincou.

Desde 2014 eles moram na van em tempo integral e começaram a viajar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A dupla dinâmica geralmente viaja cerca de 60 km todos os dias antes de montar acampamento em algum lugar e curtir o resto do dia. Eles passaram por todo a Austrália,  da Grande Barreira de Coral até a Cordilheira do Planalto de Dorrigo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com o Rich, o interior do veículo possui apenas 7,8 metros cúbicos, mas o  espaço é mais que suficiente. Ele foi projetado e construído pelo próprio, sem qualquer experiência prévia.

A gatinha e seu dono regularmente publicam suas novidades de viagem em suas páginas  no Instagram e Facebook. Desde o início da viagem, as páginas já acumulam milhares de seguidores e fãs.

Willow loves finding a good spot to do a bit of nature watching. ?Does your cat have a favourite window they spend hours looking out? ❤️

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma publicação partilhada por Rich & Willow – travelling cat (@vancatmeow) a

“Eu criei as páginas do Instagram e do Facebook inseguro sobre qual seria o propósito, mas agora ele está bem claro”,  diz East.

“É um lugar onde você pode esquecer seus problemas mesmo que seja por apenas 3 minutos e respirar o mesmo ar que respiramos, olhar para o mesmo horizonte que vemos, e saber que tudo vai ficar bem”, conclui.

Via

Fotos: Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,782,693SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira transforma redes de pesca descartadas no mar em produtos ecológicos para casa

Um esfregão para limpezas pesadas e saquinhos para guardar frutas. Essas são as duas peças que a artista plástica Nara Guichon desenvolveu a partir...

Projeto “Arquitetura na Periferia” ensina mulheres a construir suas próprias casas

As mulheres são o concreto e o tijolo que fortificam os movimentos de luta por moradias em nosso país. Elas constituem maioria nas ocupações...

Corinthians volta a ter estrela na camisa em homenagem a vítimas do Nazismo

Ação realizada em partida contra o Fortaleza resgata a memória da perseguição nazista aos judeus. As camisas dos jogadores serão leiloadas e toda a renda será revertida para o Memorial do Holocausto.

Colégio no Paraná constrói muro na forma de livros

O Colégio Evangélico Martin Luther, em Marechal Cândido Rondon, no Paraná, construiu o muro da instituição na forma de livros. Diretor do colégio, Ildemar Kanitz...

Menina abraça moradores de rua em entrega de pães e cobertores

Laurinha queria ainda cobrir os desabrigados e se despedia deles dizendo: “Deus Abençoe”.

Instagram