Ícone do site Razões para Acreditar

[VÍDEO] Idoso emociona a web ao ir até a mãe, de 97 anos, usando beca e com diploma em Varginha (MG)

filho abraça mãe vestido de beca e com diploma nas mãos

O Seu Beto, de 78 anos, ganhou o coração dos internautas ao ir até a mãe, de 97 anos, vestido com beca, capelo e o diploma da faculdade em mãos. O vídeo, registrado logo após a colação de grau, já soma mais de 2 milhões de visualizações.

Para o morador de Varginha (MG), essa era a coisa mais importante a se fazer. Ele só não esperava que pessoas que ele nunca viu também celebrariam esse momento com ele! 

A formatura aconteceu na segunda-feira passada (27), mas sua neta, Thamires Reis, decidiu publicar o vídeo nas redes sociais alguns dias depois como uma forma de homenageá-lo.

“Quando eu acordei, estava com 520 mil visualizações. Agora, já vai bater os 2,2 milhões. É muita coisa! Tanto que assusta a gente”, conta Thamires.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pra tudo se dá jeito!

História para contar é o que o Seu Beto mais tem. Ele trabalhou por 25 anos na área de contabilidade. Anos depois, o filho seguiu o mesmo caminho.

Na pandemia, iniciou a faculdade de Gestão Financeira, na modalidade de ensino a distância. A ideia foi do filho, Dimas Reis, que também é professor e foi quem fez a matrícula do pai sem ele perceber.

Seu Beto e Dona Geralda. Foto: Júlia Reis/g1

Depois de dois anos de estudos, o grande momento finalmente chegou. Seu Beto recebeu o diploma das mãos do filho, em um teatro lotado de colegas, professores e familiares. Faltava uma pessoa: a Dona Geralda.

A idosa estava com a saúde fragilizada, por isso, não pôde participar da colação de grau do filho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foi então que ele resolveu fazer o caminho inverso: “levou” a cerimônia até Dona Geralda.

“Mãe, eu me formei! A senhora não foi lá, mas eu vim aqui!”

Com a voz embargada, Seu Beto desceu a rua de casa chamando pela Dona  Geralda. Ela não fazia ideia de que veria o filho em trajes de formatura. Resultado: a emoção tomou conta!

“Meu filho, você se formou! Que beleza, que emoção”, conta.

Ela diz que sempre incentivou o filho nos estudos, mas que tinha medo de não vê-lo concluir o ensino superior. Agora ela não tem motivos mais para temer, já que Seu Beto tornou o sonho dela e dele em realidade!

Família unida estuda unida

Seu Beto não teve muitos empecilhos durante os estudos. Tanto o filho, que é professor, quanto o restante da família estava ali para auxiliá-lo. Para relembrar as fórmulas matemáticas ou até como usar a tecnologia (a neta Déborah, de 18 anos, e o bisneto João Pedro, de 13, foram fundamentais nesse caso).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ele tinha dificuldades. Às vezes o computador desconectava da internet, a caixinha de som, monitor, fios; tinha hora que ele não conseguia conectar. Ele me ligava, eu descia e explicava pra ele. Coisa que era simples, mas ele não sabia direito”, diz João Pedro.

Seu Beto contou com o apoio da família nos estudos. Foto: Júlia Reis/g1

Quem também fez diferença foi sua esposa. Dona Selma, de 54 anos, foi seu ponto de apoio do início ao fim. Ela sente um imenso orgulho da dedicação do marido.

“Ele foi levando com muita responsabilidade mesmo. Não gostava de tirar nota ruim. Fazia questão de falar para todo mundo: ‘eu estou fazendo faculdade’. Era elogio atrás de elogio”, relembra, sorrindo.

Inspiração para gerações

Seu Beto diz que é importante ter conhecimento para oferecer à família, e, assim, inspirar os netos e bisnetos. Para ele, “o estudo é a melhor herança”.

Sorridente e inspirador! Foto: Júlia Reis/g1

Feliz da vida pela trajetória construída nos últimos dois anos, o que não falta é motivo para celebrar e sonhar cada vez mais, afinal, como ele mesmo diz:

“Nunca é tarde para realizar um sonho.”

Veja o vídeo:

@thamiresreis87 #VozDosCriadores #amordemaeefilho #amordemae #formatura #superacao #perseveranca ♬ som original – Thamires Reis

Fonte: G1; Fotos de capa: Reprodução/TikTok @thamiresreis33

Quer mais uma história inspiradora? Dá o play!

Sair da versão mobile