Piloto de paramotor espalha sementes durante voos para reflorestar região paulista

O piloto e instrutor de paramotor Marcelo Oliveira decidiu usar seus voos rotineiros pela região de Araçatuba, no noroeste paulista, para espalhar sementes e ajudar no reflorestamento de áreas desmatadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Antes de realizar seus voos, o piloto colhe sementes de ipê no bairro São Rafael, onde vive, as deposita em saquinhos e as despeja em pleno ar sob a área desmatada do entorno do município.

Marcelo Glider, como é conhecido, conta que a boa ação começou no final de setembro. Ele ainda não sabe dizer se as sementes realmente germinarão, mas guarda esperança que sim.

instrutor espalha sementes e refloresta região sp

Ao portal RP10, o instrutor disse acreditar que o trabalho “renderá frutos, pois se assemelha à ação natural do vento ao espalhar as sementes”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também:

Caso a empreitada seja bem-sucedida, Glider poderá se orgulhar de te ter reflorestado as marges do ribeirão Baguaçu e dos córregos da zona rural de Araçatuba sozinho. Os locais são os principais alvos do plantio atualmente.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Hypeness/Fotos: Reprodução/Facebook @marcelo.oliver.351

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,850,818SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Filha adotada doa rim para pai por serem perfeitamente compatíveis

A compatibilidade perfeita para doação de um rim para o pastor protestante Billy Houze, de 64 filhos, partiu uma fonte improvável: sua filha adotiva. DeLauren...

Cadela adotada compartilha cobertor com cão de rua no RS e foto viraliza

Na foto, a cadelinha Lana compartilha seu cobertor com um cão que vive em situação de rua, mesmo separados por uma cerca.

Ele é um morador de rua, não tinha razões pra viver e me deu inúmeras razões para amá-lo

Estávamos em um boteco de esquina, eu e um amigo, conversando amenidades quando Júnior chegou. Cambaleando, falando torto, com os olhos inflamados de uma...

Professor com câncer ganha licença de colegas para tratamento

Ele ganhou 75 dias de licença médica dos colegas para continuar o tratamento de quimioterapia.

Ela mostra que pessoas com deficiência não tem “cara”, mas sonhos e conquistas

Taís gosta de ver o céu estrelado, de estar com a família, com os amigos, de dar risada, de bater um papo. Ela cursa Pedagogia e a deficiência não a define.

Instagram