Internautas organizam piquenique para professora após alunos darem “bolo” nela

Infelizmente, no Brasil, os professores, principalmente da rede pública, são desrespeitados e desvalorizados. A começar pela baixa remuneração, seguido pela falta de respeito de muitos alunos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com tantos motivos para desistir da profissão, só nos resta aplaudir esses profissionais e exigir o respeito que eles merecem.  Mas, o desrespeito é proporcional ao apoio e à solidariedade que a professora Rosana Carvalho, da rede municipal de ensino do Rio de Janeiro, recebeu dos internautas após seus alunos darem um “bolo” nela.

Divulgação

Rosana organizou um piquenique com seus alunos, mas, ao chegar no local e horário combinados, notou que nenhum aluno tinha comparecido. Um banho de água fria na ideia dela dele tornar a relação entre professor e aluno mais harmoniosa. Na volta para casa, Rosana fez um desabafo, na sua conta no Facebook. Como se não bastasse, uma de suas alunas fez graça do fato no Twitter, ao invés de se justificar ou pedir desculpas.

Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas, o desfecho desse acontecimento triste não poderia ser mais maravilhoso! Milhares de internautas encheram a caixa de mensagens da professora com palavras de afeto e apoio. E ainda organizaram um evento no Facebook, que promete ser um super piquenique, no dia 15 de novembro, a partir das 10h, na Quinta da Boa Vista. Até o fechamento desta matéria, quase 3 mil pessoas confirmaram presença e mais de 4 mil demonstraram interesse.

Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A professora soube do evento – aliás, sua presença está mais do que confirmada -, agradeceu as mensagens que recebeu e pediu para que seus pupilos não sejam julgados:

“Agradeço as manifestações de carinho e apreço pela figura do professor (nesse caso, por mim) e peço que não julguem a menina que teve a infelicidade de fazer a postagem. Ela não é má pessoa e tem um bom relacionamento comigo; foi uma brincadeira da qual ela já se arrependeu. Acho que todos nós devemos repensar a nossa relação virtual com o outro: ela pode causar danos irreversíveis. O lado bom do que aconteceu foi o carinho, o respeito e as palavras de solidariedade que recebi de todos os cantos do Brasil. Isso prova que o mundo não está perdido e que embora os governantes não reconheçam o valor de um professor, a sociedade ainda o abraça. Muito obrigada!”, concluiu a professora.”

Com informações do Awebic / Foto de capa: Rosana Carvalho

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,643,961SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Com vaquinha do Razões, idoso realiza o sonho de ter suas próteses após 30 anos

Há 30 anos, João de Deus, de Imperatiz, Maranhão, sofreu um grave acidente de trabalho e foi eletrocutado com 34 mil volts, fazendo com...

Motociclista salva mulher e taxista de alagamento em São Paulo

São Paulo amanheceu debaixo de chuva nesta segunda (10). A Marginal Tietê, uma das principais vias da capital paulista, ficou submersa, colocando em risco...

Dupla sertaneja de Minas promove a inclusão com clipe para surdos

A dupla sertaneja Cezzar & Rodolfo de Minas Gerais tem se destacado nas redes sociais pelo trabalho que vem realizando em prol da inclusão....

2 anos depois de perder sua mulher para o câncer, homem recria fotos do casamento com sua filha pequena

Quando um ente querido morre, muitas vezes usamos fotografias como uma forma de manter a memória da pessoa viva. Uma família de Ohio deu...

Instagram