Após se conhecerem, mulher aceita gerar filhos gêmeos para a irmã realizar sonho (PB)

0
1926
Mulheres em clínica acompanhando gestante em exame de ultrassom e família reunida toda de branco em chá revelação com criança beijando a barriga de gestante

Eu sei que você já viu muita coisa bonita sobre amor e doação, mas essa história supera quase tudo. Andrezza Vidal decidiu ceder o próprio útero para gestar os filhos da sua irmã. Detalhe: elas são irmãs por parte de pai e só se conheceram oito anos atrás.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eu senti o chamado de Deus e me senti à vontade“, disse Andrezza, que tem 41 anos de idade e já tem um filho de 13 anos, o Caio.

A irmã dela, Emmanuela Amorim, tem 46 anos, teve dois filhos do primeiro casamento, que já são adultos, e queria muito ter um filho com o seu esposo, mas algumas complicações, como risco de trombose e um problema cardíaco, impediram.

Foi quando ela decidiu que buscaria a barriga solidária e compartilhou com Andrezza. “Ela me disse: ‘irmã, é isso mesmo o que você quer? Então bora, eu me disponho’. Eu passei mal na hora, comecei a suar, deu arritmia”, relatou.

Mulher abraçando irmã gestante e homem ao lado de branco
Manu e Clóvis comemoraram atitude de Andrezza. Foto: Arquivo Pessoal

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A atitude foi singela e instantânea. “Não há caneta no céu que possa descrever o que ela fez, é a palavra amor no sentido literal de Deus ter dado o seu próprio filho”, disse Emmanuela sobre o ato de Andrezza.

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar agora , ganhe um brinde especial + frete grátis, clique aqui

Andrezza cuida dos sobrinhos com maior amor do mundo

Andrezza mora em Campina Grande, na Paraíba, e Manu vive em Recife, Pernambuco. Foi feito o procedimento de fertilização in vitro, com material do esposo de Emmanuela e o óvulo dela. Os embriões foram colocados no útero de Andrezza, que leva consigo gêmeos.

Mesmo com a dureza que é uma gestação de gêmeos, ela não titubeou. Distante da irmã, ela mesma tratou de se cuidar para a gravidez, fez dieta e exercícios de fortalecimento para receber os embriões.

Gestante recebendo a vacina
Andrezza tem todos os cuidados e já se vacinou. Foto: Divulgação/Secretaria de Saúde de Campina Grande

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ela tem todo cuidado do mundo, com a alimentação, com o esforço, onde pisa, é realmente uma relação de muita confiança e ela cuida deles com maior amor do mundo”, disse a irmã.

Andrezza vai às consultas, faz pré-natal e já tomou a vacina da covid-19, tudo para levar proteção aos sobrinhos. Ela abriu mão da própria vida por alguns meses para promover vidas, chegou até a passar maus bocados no início da gestação.

Mulheres em clínica acompanhando gestante em exame de ultrassom
Andrezza não descuidou um só momento na gestação. Foto: Arquivo pessoal

“Quando falo para as pessoas, elas dizem: ‘eu achava que era uma pessoa boa, mas você está me provando que posso ser mais’. Meu testemunho tem inspirado muita gente”, avaliou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar agora , ganhe um brinde especial + frete grátis, clique aqui

Família descobriu junta o sexo dos bebês

Um dos momentos mais esperados do processo de gestação é a revelação do sexo dos bebês e eles fizeram questão de descobrir juntos. Serão dois meninos: Theo e Davi. Veja o momento da descoberta:

“Quando eu toco na barriga dela e falo com eles, eles se mexem”, disse a mamãe. Andrezza se considera uma titia de sorte, privilegiada por participar da vida dos sobrinhos já desde a concepção.

Homem e duas mulheres sentados, de máscara, olhando para selfie em consultório médico
Família acompanha junta a gestação. Foto: Arquivo pessoal

A gravidez está no quinto mês, um sonho para Emmanuela, que teve complicações nas duas gestações e passou por dois abortos. “É um estado de graça. Andrezza está carregando duas sementes. Está lá um pedacinho de mim e do meu marido dentro dela. Eu tô vivendo como quem sonha“, disse. E o parto está previsto justamente para o dia do aniversário do pai de Andrezza e Emmanuela, 17 de dezembro.

Família reunida toda de branco em chá revelação com criança beijando a barriga de gestante
Caio, filho de Andrezza, está curtindo ver a mamãe grávida dos seus primos. Foto: Arquivo pessoal

Apesar de tão comum, a barriga solidária ainda é um tabu para muitas pessoas. Manu e Andrezza são cristãs, evangélicas, e acreditam que o amor está acima dessas questões. “O resultado cala a boca de qualquer tabu”, disse com alegria Emmanuela.

Caiu uma gotinha no meu olho por aqui, e por aí?

Após se conhecerem, mulher aceita gerar filhos gêmeos para a irmã realizar sonho (PB) 2

Assista ao Jornal do Razões e saiba as notícias positivas que estão rolando na atualidade:

Sabia que agora o Razões tem um livro? O Que Eu Aprendi Até Agora 50 Conselhos Inspiradores Para Uma Vida Cheia de Razões Para Acreditar! está em pré-venda até 15/08. Comprando o seu exemplar agora , ganhe um brinde especial + frete grátis, clique aqui

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.