Jogador alemão doa premiação da Copa para pagar cirurgias de 23 crianças brasileiras

O meia titular da Alemanha Mesut Özil, que recentemente ganhou o mundial na Copa 2014, anunciou em sua página no Facebook que doou o dinheiro da premiação recebida pelo título para financiar cirurgias de 23 crianças brasileiras doentes. O jogador já havia bancado as operações de 11 delas antes do Mundial, e decidiu elevar o número para igualar a quantidade de jogadores no elenco da seleção.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Queridos fãs, antes da Copa do Mundo eu ajudei na cirurgia de 11 crianças doentes. Já que a vitória na Copa do Mundo não foi apenas por causa de 11 jogadores, mas pelo nosso time inteiro, eu vou agora elevar o número para 23. Esse é o meu agradecimento pessoal pela hospitalidade do povo brasileiro”, publicou Özil em sua página na rede social.

Segundo o jornal britânico Express, o dinheiro doado pelo meia do Arsenal ultrapassa US$ 400 mil – cerca de R$ 880 mil. A quantia foi passada a projetos de caridade do Brasil, que serão os responsáveis por bancar as cirurgias.

Germany's Mesut Ozil celebrates scoring their second goal during extra time in their 2014 World Cup round of 16 game against Algeria at the Beira Rio stadium in Porto Alegre mesut-ozil

[via]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,842,344SeguidoresSeguir
24,826SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Escola para mulheres transgêneros na Indonésia quebra padrões religiosos

Conhecidas na Indonésia como waria (uma combinação das palavras “homem” e “mulher” no idioma local), as mulheres trans têm muitas dificuldades para praticar sua...

Menino defende mulher trans expulsa de shopping e dá lição de respeito

As crianças desta geração vão salvar o mundo! No último sábado (4), um caso de transfobia revoltou os clientes do Shopping Pátio Maceió, em Maceió...

Médico transforma o dia de paciente internado com câncer levando guitarra para ele tocar

Tudo o que Curtis Exum, de Torrington, Connecticut (EUA), mais desejava enquanto estava internado no Hospital John Dempsey da UConn, era a sua guitarra. Ele...

Café aberto para filho autista muda vida de deficientes filipinos

Hoje mostramos o hotel 100% comandado por pessoas com Síndrome de Down na Itália e agora é a vez de destacar um café nas...

Instagram

Jogador alemão doa premiação da Copa para pagar cirurgias de 23 crianças brasileiras 4