Jogador se emociona e dedica troféu de craque ao pai já falecido: “Ele me deu tudo”

Nunca será mesmo apenas futebol. Neste domingo, 28, após uma série de polêmicas e brigas judiciais, foi realizada a partida entre Palmeiras e Flamengo pelo Campeonato Brasileiro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O Flamengo entrou em campo com boa parte do time de jogadores da base, do sub-20, já que o elenco principal está quase todo com Covid-19. Entre os moleques estava o goleiro Hugo Souza, quarto goleiro da equipe.

Ele garantiu o empate do time com boas defesas, foi eleito o craque do jogo e se emocionou dedicando a atuação ao pai, falecido no dia 10 de março. O garoto terminou a partida aos prantos.

View this post on Instagram

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Você é gigante, @_hugo99! Partida espetacular, meu garoto! ❤️ #CRF

A post shared by Flamengo (@flamengo) on

A diferença da última partida para essa é que meu pai estava na arquibancada me assistindo e hoje não o tenho mais. Faz seis meses que perdi meu pai, foi meu grande incentivador, foi um cara que me deu tudo. Ele não está aqui fisicamente, não pode ver o jogo de casa, não teve essa sensação, mas eu creio que está lá em cima melhor que a gente”, disse.

Goleiro do Flamengo ajoelhado e chorando recebendo afago de zagueiro
Hugo terminou o jogo aos prantos. Foto: Reprodução

Hugo, ou Neneca, como é conhecido, é um jovem talento, que faz parte do Flamengo há 12 anos e já foi inclusive convocado pelo técnico Tite para a Seleção Brasileira. Assim como milhares de jovens negros de comunidades pobres, Neneca busca no futebol a chance de ajudar a sua família.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eu sempre entro em campo pensando neles, pensando na minha família, pensando em dar um futuro melhor para eles, pensando em crescer na vida por eles e não vai ser diferente. Tenho minha mãe, tenho minha irmã e preciso cuidar delas, tenho meus dois irmãos, e essa vitória aqui não é só minha. Isso aqui é de tudo o que tem em volta de mim”, disse. Veja o vídeo:

 

No retorno para o Rio de Janeiro, após a partida, Neneca foi ovacionado pela torcida no aeroporto e o encontro com a mãe foi emocionante. Veja só!

“Uma oportunidade dessa não podia deixar passar. O nome do meu pai é Jorge. Isso aqui é para ele, para a minha mãe, minha irmã, minha noiva, meus amigos, essa aqui é a resposta para eles. A resposta tem de ser sempre dentro de campo”, finalizou.

Futebol é mágico, né não?!

[Nota da Redação]

Estamos com um projeto especial com a Lancôme falando sobre a importância de compartilhar felicidade. Para ler todas as histórias clique aqui.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,659SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Há 50 anos juntos: Marido se desdobra para dar qualidade de vida à mulher que tem Alzheimer

Estar com alguém que você ama e que quer ficar até o fim da vida pode parecer historinha pra criança dormir nos dias de...

Websérie “Super-Heroínas” celebra a beleza de pacientes oncológicas

O portal Quimioterapia e Beleza, idealizado pela blogueira Flávia Flores, diagnosticada com câncer em 2012, lançou neste mês, como parte das ações do Outubro...

Designer cria lençóis inspirados em desenhos feitos por crianças com câncer em Joinville

A ideia é tornar a estadia das crianças no hospital mais leve e acolhedora.

Dia Mundial da Gentileza: 10 histórias que inspiram as pessoas a serem mais gentis

Aproveitamos a data para relembrar 10 histórias que são verdadeiros exemplos de gentileza!

Biólogo indonésio cria sacola plástica solúvel em água

Kevin Kumala, biólogo de Bali, na Indonésia, criou a solução para um dos maiores problemas relacionados à poluição mundial: o pesquisador inventou uma sacola...

Instagram

Jogador se emociona e dedica troféu de craque ao pai já falecido: "Ele me deu tudo" 3