Jogadora mirim de hóquei para no meio do jogo para levantar rival caída no gelo

Todo pai deseja que seu filho cresça e se torne uma boa pessoa, que se importa com os outros e que tenha empatia. É por isso que o papai canadense Mike Zegil ficou todo orgulhoso ao ver a filha, Amara, 4 anos, ajudando uma jogadora rival que caiu durante uma partida de hóquei.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Jogadora mirim de hóquei interrompe para no meio do jogo para levantar rival caída no gelo

Amara é a jogadora mais nova da sua equipe e, aparentemente, a que tem o coração mais gentil!

Ela e suas companheiras estavam jogando uma partida na ilha de Manitoulin, Ontário, quando uma de suas adversárias, da equipe Manitowaning, escorregou e caiu no gelo. Por coincidência, Amara e a garota caída, Arabella, 3 anos, usam o número 12.

jogadora interrompe partida hóquei ajudar rival

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Alguns segundos se passaram e ninguém parou para ajudar Arabella.

As suas próprias colegas de equipe passaram por ela e a ignoraram, continuando o jogo como se nada tivesse acontecido.

jogadora interrompe partida hóquei ajudar rival

Até que surge ao fundo Amara, que se aproxima da menina e lhe oferece uma mão. Enquanto isso, seu pai registra tudo da arquibancada.

menino interrompe partida hóquei ajudar amigo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Arabella se levanta, recupera o equilíbrio e a partida continua.

jogadora interrompe partida hóquei ajudar rival

Leia tambémEquipe rival protege jogadora muçulmana para que ela arrume hijab durante partida

Tocado pela atitude da filha, Mike compartilhou as imagens no YouTube. O vídeo viralizou: já acumula mais 1,1 milhão de visualizações e milhares de comentários exaltando o espírito esportivo de Amara.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A pequena também foi bastante elogiada por suas colegas, pelo árbitro da partida e pela equipe técnica do time.

“Depois daquele gesto, minha filha foi premiada como a melhor jogadora da equipe”, escreveu Mike. “Gostaria de agradecer aos treinadores dela, Clayton Best, Darren Nodecker, Chad Chevrette e Shane Ingram.”

“É muito importante instilar esses tipos de valores nessas jovens jogadoras.”

Quando se trata de ajudar ao próximo, temos muito a aprender com as crianças!

Confira abaixo o momento em que Amara ajuda sua rival:

Educação, esporte e arte são fundamentais para a inclusão social de grupos vulneráveis, concorda? Conheça então três projetos que defendem essas causas, escolha a sua favorita, apoie e concorra a um super prêmio de R$ 1 milhão da promoção “Ganhou, Causou”, da Nestlé. Clique aqui e saiba como participar!

Fonte: Inspire More/Fotos: Reprodução/Facebook

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,425,269SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Azul buscará 2 milhões de doses de vacina contra a Covid-19 na Índia

Pela primeira vez na sua história, a Azul fará um voo para a Índia. E não é qualquer voo. A companhia aérea buscará 2...

Professor adota aluno órfão que precisava de um transplante de rim

Um professor de matemática do ensino fundamental decidiu adotar um de seus alunos, que morava em um orfanato, para viabilizar sua entrada na fila...

Fazenda que só produz orgânicos contrata apenas moradores de rua

Tem coisa melhor do que comer alimentos orgânicos produzidos por pessoas que só precisavam de um empurrãozinho para melhorar de vida? Pois é isso...

Mulheres do Haiti lideram a reconstrução do país após passagem do furacão Matthew

Elas ocupam cargos de diretoras e engenheiras nos Espaços de Acolhimento para Mulheres.

Médica descobre erro em exame, evita retirada de intestino e muda vida de paciente

Uma história com enredo de novela, mas que aconteceu na vida real e que só termina com um final feliz por causa da atitude...

Instagram