Amor incondicional: jovem de 27 anos adota idosa que morava em hospital e recebe apoio de desconhecidos

Gláucia tem 27 anos, já é mãe e ainda assim resolveu adotar Cotinha, uma senhorinha de 70 anos, que vivia em um hospital, após ser abandonada pela família.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O amor dessas duas mulheres é um dos mais lindos que já vimos. E elas, infelizmente, vêm passando dificuldades e precisam de ajuda.

Lançamos uma vaquinha na Voaa para ajudar Cotinha e Gláucia. Elas precisam de um novo lar e podemos proporcionar isso! Faça a sua contribuição clicando aqui!

Cotinha morou no hospital por 60 anos

A história de Cotinha é muito triste. Quando ela ainda era criança, foi atropelada por um caminhão, com o irmão mais novo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os dois foram levados para o hospital. O irmão de Cotinha morreu e ela ficou lá, sozinha e machucada.

Mesmo o hospital anunciando que tinha encontrado duas crianças, ninguém apareceu para resgatar Cotinha.

Amor incondicional: jovem de 27 anos adota idosa que morava em hospital e recebe apoio de desconhecidos 1

E por 60 anos, o hospital foi o lar que Cotinha teve. O mesmo hospital que Gláucia foi trabalhar como copeira. As duas se aproximaram muito e Gláucia passou a visitar Cotinha todos os dias.

Só que hospital onde Cotinha vivia fechou e eles a encaminharam para um abrigo. Gláucia continuou com as visitas, mas logo notou que Cotinha estava infeliz e queria ir embora dali.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ali eu já senti alguma coisa, sabe? Eu falei: ‘Eu não vou deixar ela aqui!’”, disse Gláucia. Ela então, mesmo com algumas dificuldades financeiras, procurou a Defensoria Pública e disse que queria adotar a idosa.

Hoje Gláucia vive com Cotinha e a filha mais nova, Emily, em um lar cheio de amor!

Amor incondicional: jovem de 27 anos adota idosa que morava em hospital e recebe apoio de desconhecidos 2

Família passa por algumas dificuldades

Hoje toda a renda da família vem do salário pequeno da Gláucia e da aposentadoria da Cotinha.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Elas querem muito ter uma casinha, para não precisar mais pagar aluguel e conseguirem viver um pouquinho melhor.

Amor incondicional: jovem de 27 anos adota idosa que morava em hospital e recebe apoio de desconhecidos 3

Nós queremos muito levar ainda mais felicidade para essa família tão incrível. Vamos ajudá-las?

Ajude Cotinha e Gláucia! Clique aqui e faça a sua doação!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,282,832SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem que salvou menino de pitbull ganha curso de segurança no Rio

Um vídeo de um jovem salvando um menino de um ataque de um cão pitbull no Rio de Janeiro viralizou nas redes sociais, já...

Projeto estimula consumo sustentável e doa roupas para moradores em situação de rua

Criado há quatro anos pelas amigas Giovanna Nader e Raquel Vitti Lino, o Projeto Gaveta já teve mais de 600 participantes e deu vida...

Clínica de fisioterapia móvel em ônibus já atendeu mais de 70 mil pacientes de baixa renda

Aos 55 anos, Maria de Las Gracias transformou um ônibus, que por fora você não dá muita coisa, em uma clínica de fisioterapia móvel para...

Realidade virtual distrai crianças na hora da injeção ao ponto delas não perceberem a picada

O medo e o choro dão lugar à diversão e ao entretenimento em campanha realizada pelos laboratórios Hermes Pardini.

Garotinho com paralisia cerebral anda pela primeira para abraçar seu pai após meses sem vê-lo

Os médicos disseram que esse garotinho nunca andaria e o motivo é a sua paralisia cerebral. Ele realmente teve os movimentos limitados por muito tempo....

Instagram

Amor incondicional: jovem de 27 anos adota idosa que morava em hospital e recebe apoio de desconhecidos 4