Adolescente indiana de 15 anos cria “carrinho de passar roupa” que funciona com energia solar

O início deste mês está sendo marcado pela COP26, ou Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2021, que busca incentivar as nações globais a mitigarem o aquecimento global e migrarem para a energia verde.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesta edição, a conferência está ocorrendo em Glasgow, na Escócia, com a participação de quase 200 países.

Políticas à parte, diversas surpresas interessantes roubaram os holofotes dos líderes mundiais desde o início do encontro, como a inventora Vinisha Umashankar, de 15 anos, que apresentou ao mundo uma bicicleta com uma espécie de tábua de passar roupa com ferro embutido alimentado por energia solar.

A bugiganga criativa foi idealizada pela jovem quando ela tinha apenas 12 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nesta semana, ela compareceu à COP26 e fez um poderoso discurso de 5 minutos, no qual apelou diretamente aos chefes de estado e tentou alertá-los sobre a situação cada vez mais sensível do meio ambiente e do clima.

“Vocês estão decidindo se teremos ou não a oportunidade de viver em um mundo agradável e habitável. Estão decidindo se vale a pena lutar pelo planeta ou não, se vale a pena lutar por nós ou não. Por favor, apoie essa causa e lute por nós”, disse Vinisha aos presentes.

Segundo a jovem, a ideia de fazer a bike “com ferro de passar embutido” surgiu depois de ver uma pessoa que passava roupas na rua para ganhar a vida. No entanto, ele estava usando um aparato antigo que usava carvão e emitia muita fumaça poluente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Assim, Vinisha idealizou um carrinho de passar roupa acoplado à sua bicicleta que poderia funcionar com outro tipo de energia, 100% renovável e limpa. “Isso me fez pensar na quantidade de carvão que é queimado todos os dias e nos danos que ele causa ao meio ambiente.”

Nasceu assim o “carrinho solar de passar roupa”, cujo primeiro protótipo foi construído quando a jovem tinha 12 anos, mas que conseguiu concretizar com a ajuda de engenheiros da Fundação Nacional de Inovação da Índia.

A partir daí, ela obteve a patente e pôde participar de diversos concursos de tecnologia realizados em solo indiano, até chegar à COP26. “Todos nós temos que entender que os problemas ambientais são reais e não podem ser resolvidos depois. Não há botão de parada. Não existe solução mágica”, concluiu a jovem.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Junto à Stone, viajamos o Brasil para mostrar negócios que muita gente acha que não daria certo na nossa terrinha – e dão! Veja o 8º EP da websérie E se fosse no Brasil?

Fonte: Upsocl
Fotos: Umashankar Sathyakumar

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM







Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,956,757SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino ganha presentes do Fluminense após improvisar própria camiseta pintada à mão

Raphael, 6, viralizou na web após ser flagrado com uma camiseta do Fluminense um pouco diferente da original. Na verdade, essa era exclusiva, pintada...

“A Ponte”: documentário que retrata a periferia de São Paulo

Um rapper famoso, uma educadora otimista e um escritor apaixonado que convivem diariamente com as dificuldades da periferia da Zona Sul de São Paulo...

Pai de duas crianças com autismo se surpreende com empatia de funcionária

Parabéns à funcionalidade pela sensibilidade!

A incrível corrente de bombeiros voluntários que se juntou para salvar cães após tempestade

Na cidade de Caacupé, a 53 quilômetros de Assunção - no Paraguai, uma linda corrente de bombeiros se juntou para salvar cachorros que...

Projeto leva palavras de gentileza a desconhecidos em locais públicos

Pequenas ações que tenham como objetivo mudar o mundo. Ações desinteressadas, que façam alguém sorrir, sentir-se melhor, emocionar-se, etc. Qualquer coisa que mude o...

Instagram