“Quero ajudar pessoas como eu”, diz jovem goiana com doença no intestino que passou em Medicina

Em 2015, a estudante goiana Lara Maria Lemes, 22, foi diagnosticada com a doença de Crohn – síndrome inflamatória grave do trato gastrointestinal e que pode causar complicações com risco de vida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A doença pode causar dor abdominal severa, diarreia, perda de peso, anemia e fadiga.

Nos últimos anos, Lara se dividiu entre o tratamento contra a síndrome e os estudos, focando na sonhada aprovação em Medicina. A estudante passou no curso e agora busca conquistar o diploma para ajudar pessoas com a mesma doença.

"Quero ajudar pessoas como eu", diz jovem goiana com doença no intestino que passou em Medicina

“Meu sonho é me especializar em gastroenterologia para entender mais e ajudar as pessoas como eu. Além de ser uma paciente, eu seria uma pessoa que poderia falar com mais propriedade do assunto”, disse Lara, que nasceu em Iporá (GO), mas cresceu em Piranhas, no oeste goiano.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na adolescência, mudou-se para Goiânia para cursar o segundo. ano do ensino médio. Nessa época, Lara passou a sentir dores ainda mais intensas que exigiam um tratamento delicado. Para isso, ela voltou para Piranhas, interrompeu os estudos e felizmente, contou com todo o suporte de sua família.

Em 2016, a jovem retornou à escola com o apoio do Núcleo de Atendimento Educacional Hospitalar (NAEH), programa das Secretarias de Estado da Educação (Seduc) e Saúde (SES).

Quando ela não conseguia ir à escola, uma professora ia à sua casa para dar aulas e aplicar os exames.

“Foi essencial, foi um período que eu passei muito mal, era impossível ir todos os dias à escola. A professora conseguia me passar perfeitamente o conteúdo. Foram 2 anos, durante o segundo e o terceiro ano do ensino médio”, pontuou.

"Quero ajudar pessoas como eu", diz jovem goiana com doença no intestino que passou em Medicina

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No ano seguinte, Lara voltou à Goiânia para fazer um cursinho pré-vestibular visando passar em Medicina.

Com muito esforço, ela conseguiu a aprovação em duas instituições fora do estado, mas como seu objetivo era permanecer em Goiás, dedicou-se até a conquista.

Na próxima segunda-feira (24), a jovem – já matriculada, – inicia seus estudos. E ela não poderia estar mais feliz com a vitória depois de anos tão turbulentos, sempre com o apoio dos pais.

“O tempo inteiro me apoiaram, não botavam pressão, deram tudo que eles poderiam dar de apoio e seguraram as pontas”, disse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Doença

Conforme explica a Associação Brasileira de Colite Ulcerativa e Doença de Crohn (ABCD), a síndrome de Lara se trata de uma doença inflamatória no trato gastrointestinal.

A associação frisa que medicamentos podem controlar e amenizar os sintomas, mas não curam a doença.

De acordo com Romulo Gustavo Pereira, presidente da Sociedade Goiana de Gastroenterologia, a síndrome é causada por predisposição genética e fatores ambientais.

"Quero ajudar pessoas como eu", diz jovem goiana com doença no intestino que passou em Medicina

Apesar de fazer uso de medicamentos, Lara conta que, mesmo com a doença “mais controlada”, tem episódios de muitas dores abdominais, náuseas, vômitos constantes e diarreia.

“A doença entra em remissão, nesse momento ela está menos ativa, mas eu tenho que cuidar. Preciso me alimentar bem, tomar os remédios e aplicar remédios na veia uma vez por mês”, disse.

Por isso, o suporte constante dos pais é essencial. “Morar sozinha não é viável para mim. Ainda tenho casos de passar mal do nada. Eu aprendi a conviver, minha doença é assim”, completou.

Fonte: Portal 6
Fotos: Arquivo Pessoal / Lara Maria Lemes

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,806,528SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto conta a história das pessoas com seus livros favoritos

Toda semana, a página do projeto conta duas histórias de leitores com seus livros favoritos.

Gen, um cão da raça corgi, vem ganhando a internet com suas caras e bocas

Quem ainda não esbarrou com uma foto do Gen pelas redes sociais está perdendo um dos melhores memes dessa quarentena! O doguinho é do Japão...

Alice, a menina de 2 anos das palavras difíceis, é a nova embaixadora do Hospital do GRAACC

O Hospital do GRAACC, referência no tratamento, ensino e pesquisa do câncer infantojuvenil, apresenta sua mais nova embaixadora, a pequena Alice, de apenas 2...

Após iniciar tratamento com ajuda de vaquinha, jovem em estado vegetativo sorri pela 1ª vez em 3 anos

A história da Bruna e do David é emocionante. Ele se dedica totalmente a cuidar da esposa, após ela sofrer uma parada cardiorrespiratória e...

Vaquinha para casal e seus 7 filhos que moram em barraco na beira de córrego tem meta alcançada

A ajuda de vocês é incrível e mais uma vez conseguimos bater uma meta, desta vez para ajudar uma família de Carapicuíba (SP). Ricardo,...

Instagram

"Quero ajudar pessoas como eu", diz jovem goiana com doença no intestino que passou em Medicina 3