Após vídeo de senhora morando no mato viralizar, internet se mobiliza e ela tem vida transformada

O vídeo feito por Fran viralizou na internet e a comoção, a empatia e a tristeza dela ao ver uma mulher morando em condições subumanas fizeram os internautas se mobilizar para transformar a vida de Dona Célia, de 59 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fran encontrou com a senhora em um supermercado. “Ela estava reclamando que estava com muita fome e com muita dor nas costas de carregar a sacola de latinhas”, disse. A jovem se sensibilizou, deu algo à mulher para comer e a ajudou a levar a sacola até o barraquinho onde mora.

Mas o que Fran não imaginou é que Dona Célia não morava exatamente num barraco, mas no meio do mato, embaixo de uma espécie de cabana. A cena cortou o coração da jovem. “Eu chorei muito, não consegui dormir naquela noite. A situação dela tirou minha paz“, conta.

Veja o vídeo e sinta o quanto é tocante realmente!

https://www.instagram.com/p/CFhx739J5Y6/?igshid=cwmc3t9gqxdc

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No outro dia, ela decidiu levar Dona Célia até a sua clínica de estética para cortar as unhas e melhorar o seu visual. “Aí eu dei algo pra comer e ela pediu pra dormir, quando acordou tava frio e ela disse: ‘não quero ir embora’ e eu não tive coragem de mandá-la embora”, contou.

Mulher em meio ao mato
Dona Célia morava em situação desumana. Foto: Reprodução

Depois disso, a jovem se viu na obrigação de ajudar aquela mulher, que morava há mais de 30 anos nas ruas. Fran gravou o vídeo com o intuito de jogar na internet e ver se alguém poderia ajudar aquela mulher. Depois decidiu abrir uma vaquinha online e arrecadou mais de R$ 140 mil.

Mulher chorando
Fran ficou desesperada com a situação. Foto: Arquivo pessoal

Muita gente ajudou, como o cantor Ferrugem e o empresário Fritz Paixão. “Quando vi a situação dessa mulher, sabia que tinha que ajudar. Fazer o bem é um caminho sem volta”, comentou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vaquinha para reformar a casa do gari Betinho que faz trabalho social com famílias carentes

Como Dona Célia é dependente química, ela foi levada para uma clínica de reabilitação, que tem tudo, todos os profissionais, tratamento adequado e boa estrutura.

Mulher em clínica de reabilitação na frente da piscina
Dona Célia está feliz e sendo bem cuidada. Foto: Arquivo pessoal

Hoje ela está numa das melhores clínicas porque eu pesquisei bem, quis um lugar aconchegante porque como ela falou que gosta de chácara eu procurei um lugar que parece com uma chácara”, disse Fran.

Chácara onde funciona clínica de reabilizatação
Dona Célia está em clínica que se parece com uma chácara. Foto: Arquivo pessoal

Quando Dona Célia se recuperar, eles vão comprar uma casa com o dinheiro arrecadado. “Vou procurar um terreno com espaço para uma horta, uns bichinhos e chamar os voluntários para construirmos a casa”, disse Fran.

Fran, Fritz e todos os envolvidos, vocês são anjos na terra!

[Nota da Redação]

Estamos com um projeto especial com a Lancôme falando sobre a importância de compartilhar felicidade. Para ler todas as histórias clique aqui.

selo conteúdo original

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,643,961SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Policial grava vídeo de tirar o fôlego de mulher sem-teto cantando ópera no metrô

Um policial que fazia a segurança do metrô de Los Angeles (EUA) gravou o vídeo da mulher cantando ópera com uma voz angelical.

Nova personagem da Turma da Mônica chama Milena é negra, de cabelos cacheados e cheia de atitude

A Turma da Mônica é uma das maiores paixões nacionais! E agora a turma acaba de ganhar uma nova integrante: Milena Sustenido. Milena é...

Para esta professora veterana, toda criança merece um adulto que nunca vai desistir deles

Rita F. Pierson, professora há 40 anos, uma vez ouviu um colega dizer: "Eles não me pagam a gostar das crianças." Sua resposta: "As...

Jovem desenvolve aplicativo gratuito de prevenção ao suicídio: “Tá Tudo Bem?”

“Tá Tudo Bem?” oferece auxílio e informações sobre suicídio, além de um botão emergencial para entrar em contato com pessoas de confiança ou com o CVV (Centro de Valorização da Vida).

Instagram