[VÍDEO] Juiz comemora aposentadoria entrando de terno e gravata no mar

Uma cena no mínimo inusitada e que certamente muita gente gostaria de fazer. Um juiz do Tribunal de Justiça da Paraíba comemorou sua aposentadoria entrando de terno e gravata no mar. Ele gravou um vídeo para os colegas e a atitude viralizou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Bartolomeu Correia recebeu a aprovação do pedido de aposentadoria por invalidez e se jogou no mar de uma das belas praias paraibanas, a praia de Camboinha. “Sei que nesse momento o melhor é me aproximar da minha família e sei que tudo que esteve ao meu alcance eu fiz“, disse o juiz no vídeo.

Homem de terno e gravata no mar
Juiz comemorou aposentadoria de um jeito peculiar. Foto: Reprodução

Bartolomeu atuou como juiz durante 25 anos e se despediu dos colegas magistrados. “Hoje eu vou fazer uma coisa que acredito que todo colega gostaria de fazer. No momento de desespero, no momento da labuta. Quando as partes estão se digladiando, eu tenho certeza que essa imagem ficará registrada na memória de todos vocês”, disse.

Homem mergulhando de terno e gravata no mar
A cena não vai sair da cabeça de muita gente. Foto: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E ficou mesmo! Quem aí não gostaria de fugir dos momentos de dificuldade do trabalho dando um mergulho em outra realidade?

Veja o vídeo hilário e inspirador:

Quis mostrar o mar e dar a sensação do mergulho. Um mergulho de lavar a alma. Com roupa e tudo. Mergulhei no mar como se estivesse me purificando de todas as mazelas que tive que conviver, todos os crimes que tive que julgar, todas as cenas de crime que tive que ver, todo o sangue que tive que olhar, todo criminoso que tive que olhar nos olhos. Esquecer todos os rostos das vítimas que vi. Lavar a alma”, desabafou o juiz. Antes de atuar como juiz, Bartolomeu foi delegado.

Foto: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Bartolomeu também é artista plástico e, no alto de seus 57 anos, refletiu bastante sobre sua trajetória depois de ter sofrido um infarto. “Sou artista plástico premiado com menção honrosa. Daí essa minha veia artística, às vezes, aflora com atos e palavras. Um deles foi essa homenagem e um ato de espiritualidade”, disse.

No Instagram dele é possível ver suas obras:

View this post on Instagram

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A post shared by Bartolomeu Correia Lima Filho (@bartartistic)

Bartolomeu também já foi um apaixonado por motovelocidade, mas teve que largar o esporte por problemas de saúde. Ele descobriu um problema cardíaco crônico grave, o que deve diminuir a expectativa de vida e, por isso, o agora ex-juiz vai viver uma nova fase.

Homem ao lado de moto de corrida
Foto: Arquivo pessoal

“Na vida temos que ter a consciência de que não somos nada nem ninguém, e que a vaidade que alimenta o ego humano é veneno para a alma. Ao que parece, mesmo com essa pandemia, poucos foram os que entenderam o quanto somos insignificantes no universo. Um simples vírus poderia ter exterminado toda a humanidade. Eu sei que todas as coisas são findáveis”, refletiu.

Boa sorte, Bartolomeu! Agora que você soltou a âncora que te prendia, muito mar e muita arte em sua vida

Assim como Bartolomeu, o pequeno Davi sonha em explorar seu lado artístico e quer ser cantor de ópera. Fizemos uma vaquinha no VOAA para ajudá-lo a realizar este sonho. Conheça a história e contribua!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

Fonte: UOL

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,838,442SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Bombeiros terminam de colocar luzes de Natal na casa de pai que quebrou a perna após cair da escada

Um gesto que, definitivamente, simboliza o espírito natalino! 🙂

O primeiro detento de SP a concluir curso superior dentro da prisão

Aos 55 anos, Venilton Leonardo Vinci é o primeiro detento do estado de São Paulo a concluir um curso superior no regime fechado, mais exatamente de...

Brasileira tem tese de doutorado considerada a mais importante do mundo para a Biologia

Apesar do recente corte orçamentário do governo em relação ao campo científico, nós ficamos felizes e orgulhosos em saber que muitos estudantes e profissionais...

Família abandona senhor doente na rua e moradores cuidam dele até encontrar abrigo

A história começa triste, muito triste, mas termina com um final feliz para seu Itamar, 57 anos. O senhorzinho debilitado foi abandonado pela família...

Menino curado vira médico para cuidar de crianças com câncer

Um médico que batalhou para vencer um linfoma, na adolescência, hoje, cuida de crianças que lutam para vencer sua própria batalha contra a doença.

Instagram