Congresso aprova tratamento obrigatório para lábio leporino no SUS

A Câmara dos Deputados, por meio da CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania), aprovou em caráter terminativo o Projeto de Lei 1172/15, que obriga o Sistema Único de Saúde (SUS) a oferecer a cirurgia plástica de lábio leporino e o tratamento pós-cirúrgico: fonoaudiologia, psicologia, ortodontia, e demais especialidades necessárias a recuperação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O projeto de lei agora segue para aprovação no Senado e por fim, sanção presidencial.

O Sistema Único de Saúde já oferece a cirurgia e acompanhamento especializado para pessoas com essa condição, mas a proposta do autor do projeto é ampliar o atendimento e assegurar a todos o acesso rápido ao tratamento.

Pelo texto, de autoria do deputado federal Danrlei de Deus Hinterholz (PSD-RS), “se houver diagnóstico confirmado no pré-natal, o encaminhamento deverá ser feito logo após o nascimento do bebê.”

A rede pública de saúde também deverá prover tratamento de reeducação oral, para auxiliar os exercícios de sucção, mastigação e desenvolvimento da fala, além da assistência por ortodontista e psicólogo, quando necessário.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também“Comecei lavando louça, agora sou auxiliar de cozinha no restaurante”: projeto abre portas para mercado de trabalho

Congresso aprova tratamento obrigatório para lábio leporino no SUS
Foto: Reprodução / Wikimedia Commons

“Estudos mostram que quanto mais cedo é realizada a reparação, melhores são os prognósticos de recuperação”, disse o relator na CCJ, deputado Evandro Roman (PSD-PR). Seu relatório indicou a constitucionalidade integral da lei.

O lábio leporino ou fenda palatina é uma condição congênita comum que gera a abertura do lábio e do céu da boca e causa dificuldade para falar e comer.

De acordo com OMS – Organização Mundial de Saúde, estima que 1 a cada 650 crianças nascidas tenha lábio leporino.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia tambémBares e restaurantes brasileiros começam a abrir espaço para a gastronomia sustentável

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Criança Especial
Foto destacada: ONG Operação Sorriso / Divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,842,344SeguidoresSeguir
24,826SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Startup indiana está transformando a poluição do ar em tinta

A qualidade do ar em algumas cidades da Índia é considerada preocupante. E foi para ajudar a resolver esse problema que a startup Graviky...

Avon formaliza compromisso com a ONU para combater LGBTfobia no trabalho

A companhia aderiu aos Padrões de Conduta Empresarial da ONU.

Jovem em estado terminal pede ‘despedida de solteira’ falsa

Em estado terminal por um tipo raro de câncer contra o qual vem lutando há quatro anos, uma britânica de 21 anos preparou uma...

Médicos trocam remédios por aulas de surf no combate a doenças crônicas

Na cidade de Biarritz, no litoral francês, está acontecendo um lindo movimento para tornar os tratamentos médicos mais eficientes e prazerosos. Conforme noticiado pelo jornal britânico The...

Comunidade organizada transforma lixão em área de lazer no Ceará

Nos últimos 40 anos, o terreno baldio era usado como lixão, atraindo insetos e pequenos animais.

Instagram

Congresso aprova tratamento obrigatório para lábio leporino no SUS 3