Após apelo de mãe em redes sociais, ladrão devolve exames da filha com doença rara

Esta é uma história que mostra que por mais que as pessoas errem, elas podem se arrepender. Em Sertãozinho, interior de São Paulo, um ladrão invadiu uma casa, roubou alguns pertences, mas após apelo de mãe em redes sociais acabou devolvendo uma coisa importante. A casa que foi assaltada foi a da antropóloga Karis Bertuzo, que tem uma filha de 6 anos, Luiza, que sofre de uma doença rara.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Dentre os pertences roubados, havia o notebook de Karis e seu HD externo, que continha informações essenciais e todos os exames médicos já realizados pela pequena Luiza. Desesperada em ficar sem os exames, a mãe fez um apelo nas redes sociais e alguns dias depois, se surpreendeu quando a campainha de sua casa tocou e era uma pessoa lhe devolvendo o HD.

Karis ficou tão emocionada que acabou abraçando a pessoa, sem nem pensar que poderia ter sido o ladrão. O coração de mãe falou mais alto. A pequena Luiza sofre de uma doença que afetou seriamente o desenvolvimento neurológico e motor. Quando tinha 3 anos, começou a sofrer perda da fala, dificuldade de compreensão, desorganização da memória imediata e problemas de coordenação motora.

Relacionado: Homem rouba carro, mas se arrepende e o devolve com uma carta de desculpas em Canoas (RS)

A família, que lançou uma campanha pelas redes sociais e conseguiu arrecadar R$ 160 mil para levar a menina para um tratamento com células-tronco no México, tinha feito diversos vídeos e relatórios sobre o avanço do tratamento, que estavam todos guardados no HD. Por isso, quando viram que tinham perdido tudo aquilo, se desesperaram: “Sem esse histórico, ficava difícil acompanhar o desenvolvimento dela e fornecer dados para a comunidade científica encontrar o diagnóstico. Quando vimos que tinha sido levado, entramos em desespero e, como sabemos a força das redes sociais, fizemos o apelo”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Outras coisas foram levadas, como a televisão e a máquina fotográfica, mas o mais importante voltou para seus braços e isso não tem preço: “Felizmente, estava tudo lá, não foi mexido. O que era essencial foi recuperado. Só temos que agradecer”.

apelo de mãe filha com doença rara

Com informações de Estadão

Foto: Karis Bertuzo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,577,517SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Nossa experiência na exposição sobre os 100 anos da garrafa da Coca-Cola

Quem acompanha o RPA sabe que somos fãs das campanhas da Coca-Cola, sempre com um posicionamento voltado a pensamentos positivos, a marca consegue nos...

Para despertar interesse pelos estudos, professor ministra aulas no ritmo do funk

Sabe aquele velho ditado: Se não pode com o inimigo, junte-se a ele. Pois é, nesse post de hoje cabe perfeitamente. Todos sabemos que...

Padre comemora aniversário com moradores de rua em Floripa

O padre Vilson Groh comemorou aniversário de 63 neste dia 24/04, e ele passou esta data especial com dezenas de moradores em situação de rua no...

Brasileiro descobre remédio de baixo custo para curar Zika e evitar transmissão

O biólogo brasileiro Alysson Muotri, junto com sua equipe da Universidade da Califórnia, descobriu um medicamento de baixo custo, que impede camundongos de passarem...

Eles largaram o trabalho convencional para fazer o que realmente amam

O projeto continuecurioso é uma websérie que documenta a vida de pessoas que largaram o osso das 9h às 18h pra fazer o que realmente gostam. A ideia...

Instagram