Início INSPIRAÇÃO Superação Tricampeão no Parapan, Lauro Chaman relembra começo difícil e enaltece esporte paralímpico

Tricampeão no Parapan, Lauro Chaman relembra começo difícil e enaltece esporte paralímpico

Lauro Chaman ganhou a sua terceira medalha de ouro em Parapans nos Jogos de Lima. Para conquistar o lugar mais alto do pódio, o ciclista entrou na pista de Velódromo de Videna como favorito na prova de perseguição individual da classe C4-5. Para superar o colombiano Diego Dueñas, Lauro fez o sinal da cruz, disparou e venceu.

Mas o início da carreira não foi fácil. Depois de nascer com o pé esquerdo para trás, Lauro passou por uma cirurgia sem sucesso, que o deixou sem o movimento do tornozelo e com a panturrilha atrofiada. Ainda adolescente, passou a disputar provas de mountain bike, se arriscou no ciclismo convencional, mas aos 22 anos entrou para o esporte paralímpico. E essa decisão mudou a vida dele!

“Às vezes eu reclamava por pouca coisa. Às vezes eu reclamava por um celular que caía no chão e quebrava o vidro. Cheguei na paralimpíada e vi uma galera que só mexia a cabeça. Pensei: ‘como sou egoísta às vezes’. O esporte paralímpico me ensinou isso, a ser um ser humano melhor, a dar valor à vida, dar valor às coisas que realmente importam, dar valor a poder abrir o olho todo dia, poder enxergar, fazer um esporte”, disse Lauro.

lauro chaman parapan lima
Lauro Chaman venceu o colombiano Diego Dueñas e levou a medalha dourada no Parapan de Lima. Foto: Saulo Cruz/EXEMPLUS/CPB

lauro chaman medalha ouro parapan lima
Foto: Pedro Maia

Multicampeão

Além de todo esse aprendizado, o esporte também deu para Lauro várias outras conquistas. Ele é bicampeão da Copa do Mundo de paraciclismo, ganhou a prata de estrada e o bronze no contrarrelógio na Paralimpíada Rio 2016, os ouros na estrada e no contrarrelógio de Toronto 2015, e o mais novo ouro em Lima.

Leia também: 10 histórias de brasileiros do Parapan que vão mudar o seu dia

“A gente sonha que o ciclismo possa um dia ser como o atletismo paralímpico hoje, como uma natação paralímpica. Quem sabe um dia a gente vire uma potência como a Grã-Bretanha é, como a Holanda é, como a Itália e outros países, a Colômbia hoje também tem um ciclismo muito forte. Então a gente se espelha neles e sempre pensa em evoluir”, concluiu Lauro Chaman.

Liderança do quadro de medalhas

O Brasil lidera o quadro geral com 229 medalhas! Delas, 90 são de ouro, 75 de prata, e as 64 restantes de bronze. E contando! A bandeira brasileira vai balançar muito nas cerimônias de pódio!!

Acompanhe aqui no Razões e nas redes sociais do Comitê Paralímpico Brasileiro, Instagram e Facebook, nossos paratletas no Parapan de Lima 2019. Estamos na torcida e ansiosos para ver o verde e amarelo no lugar mais alto do pódio – estaremos lá muitas vezes! 🥇🇧🇷

Fonte: Globo Esporte/Foto destacada: Foto: Saulo Cruz/EXEMPLUS/CPB

Relacionados

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

982,463FãsCurtir
1,683,804SeguidoresSeguir
8,259SeguidoresSeguir
11,000InscritosInscrever

+ Lidas

Designer da UFMG cria embalagem sustentável de pasta de dente que pensa fora da caixa – literalmente!

Um projeto acadêmico liderado por Allan Gomes, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), repensa a maneira como as embalagens são dispostas aos consumidores...

Mãe pede pizza só para ver o filho entregar no primeiro dia de trabalho

Lindo gesto de amor da mãe para incentivar o filho no novo trabalho!

Pesquisadora de Manaus desenvolve plástico biodegradável a partir do cará

Quem já comeu sabe o quanto o cará é saboroso. O tubérculo, que é bem parecido com o inhame, é rico em fibras e...

Casal gay adota bebê com HIV que foi rejeitada por 10 famílias

Pouco depois de nascer, Olivia foi abandonada em um orfanato. Na fila de adoção, foi rejeitada por 10 famílias. O motivo? A menina é...

Jovem abre espetinho e amigos aparecem para ‘dar uma força’ em Curitiba (PR)

No início deste mês, o usuário @Chrystofer_99 comentou no seu Twitter que planejava abrir um espetinho. A ideia era fazer um 'teste' com sua família,...

Instagram