Pesquisadores transformam leite materno em pó que pode ser distribuído pelo SUS

Uma inovadora pesquisa da Universidade Estadual de Maringá (UEM) demonstrou que o leite materno na sua versão em pó não perde nutrientes, podendo ser distribuído pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Vanessa Javera, estudante de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Ciência de Alimentos da UEM e o professor Jesui Vergilio Visentainer estão por trás do estudo, que segundo eles, é inédito no Brasil.

“Pensando que o aleitamento materno exclusivo até os seis meses de idade é realidade para apenas 40% das brasileiras, permitir que o leite materno seja viável e distribuído para a população pelo Sistema Único de Saúde é inovador”, diz Vanessa.

Pesquisadores brasileiros transformam leite materno em pó sem perder nutrientes
Vanessa Javera, estudante de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Ciência de Alimentos da UEM. Foto: Arquivo pessoal

O leite materno é um alimento essencial para o desenvolvimento dos bebês, possuindo alta capacidade nutritiva. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que ele seja o único alimento oferecido até os seis meses de vida da criança.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Depois disso, a introdução de outros alimentos pode ser feita, mas o leite materno deve ser mantido até os dois anos de vida. Pelo menos, esse é o ideal.

A pesquisa

O método consiste no processo de pasteurização do leite materno congelado, que é desidratado até virar pó, sem perder seus nutrientes.

Pesquisadores brasileiros transformam leite materno em pó sem perder nutrientes
Foto: Arquivo pessoal

Em seguida, o leite é encaminhado às instituições de saúde. “Trabalhamos com fatores imunológicos, nutricionais e antioxidantes, e todos esses componentes permaneceram no leite que foi transformado em pó. O resultado mostra que esse processo é viável”, contou Vanessa.

Nos EUA, uma mãe que perdeu a filha pouco após seu nascimento doou mais de 100 litros de leite materno para outros bebês.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A pasteurização é importante para evitar a transmissão de doenças.

O produto final é mais resistente à contaminação, além de ser mais simples e barato no processo de armazenamento, transporte e distribuição.

Pesquisadores brasileiros transformam leite materno em pó sem perder nutrientes
O professor Jesui Vergilio Visentainer também fez parte da pesquisa que, segundo ele, é inédita no país. Foto: Arquivo pessoal

Como funciona hoje

Os banco de leite humano funcionam com a coleta de leite materno congelado das casas das doadoras. Após a coleta, os recipientes são depositados em caixas térmicas com controle rigoroso de temperatura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ao chegar no banco, o produto passa pelo processo de pasteurização e depois é levado para hospitais para atender bebês recém-nascidos internados.

É necessário manter o produto congelado, sempre, pois ao ser descongelado, ele perde sua validade em 24 horas, devendo ser consumido o mais rapidamente possível.

“Quando pensamos que bebê amamentado terá um desenvolvimento cognitivo melhor e ficará menos doente, esse estudo se torna ainda mais relevante”, concluiu a pesquisadora.

O estudo de Vanessa e Jesui recebeu o prêmio Péter Murányi, que reconhece trabalhos inovadores para melhorar a qualidade de vida da população.

Durante o Mês da Mulher, nós aqui do Razões junto com O Boticário contaremos histórias de mulheres que ajudam mulheres. Vamos falar sobre essa linda rede de apoio, para mostrar que #SomosFeitasDeTodas. Acesse as histórias aqui.

Fonte: G1

Quer ver a sua pauta aqui? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,067,715SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Morre Capoeira, o guardador de carros que emocionou o país com seu gesto de humanidade

Essa é uma notícia triste, gente... Mas temos que compartilhar com vocês. Recebemos a confirmação da morte do Capoeira, o guardador de carros do...

Onça ferida em incêndio no Pantanal recebe alta e é solta na natureza!

Entre as onças-pintadas resgatadas do incêndio no Pantanal, conhecemos a história do Ousado. Após tratamento com com ozônio e laser em Corumbá de Goiás,...

Coletivo desafia os brasileiros a repensarem a educação inclusiva no País

Você sabia que no Brasil 30% dos jovens entre 14 e 15 anos com alguma necessidade especial de ensino desistem da escola? Muitas vezes,...

Casal foge do comum e se casa na praça em cerimônia carnavalesca

Para falar de seu casamento ‘diferentão’, Suelen Domingues se demonstrou mais do que animada em compartilhar um pouco o seu dia com vocês, queridos...

De cadeira de rodas ela criou 3 filhos, se formou e hoje trabalha

Texto originalmente publicado no site História do Dia. Às vezes nós passamos por coisas que não entendemos muito bem, mas o segredo da vida é...

Instagram

Pesquisadores transformam leite materno em pó que pode ser distribuído pelo SUS 1