Luminárias de flores gigantes se abrem quando passam os pedestres

Intervenções urbanas têm o poder de colorir e alegrar a vida das pessoas que passam todos os dias pelas ruas de uma cidade. Elas tornam ambientes mais bonitos, devolvem aos moradores a sensação de pertencimento e muitas vezes levam mensagens poderosas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em uma região periférica de Jerusalém, mais exatamente em uma praça que estava em más condições, a empresa HQ Arquitetos instalou quatro luminárias que não só levaram luz e beleza ao local, mas também uma pitada de mágica para esquecer por alguns segundos a realidade.

Em formato de flores gigantes que se abrem em uma linda dança quando pedestres passam por elas, as luminárias desenhadas por Vallero Square ganharam o nome de “Warde“.

Com seus de 9×9 metros, além de clarearem a região tornando-a mais segura, também servem de abrigo em dias de chuva ou de muito Sol.

Olha que demais que ficou essa ideia:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

inflating-flowers-warde-hq-architects-jerusalem-8 inflating-flowers-warde-hq-architects-jerusalem-10 inflating-flowers-warde-hq-architects-jerusalem-13-522x420 These-Streetlights-Bloom-Like-Giant-Flowers-When-People-Stand-Under-Them-7 warde-inflating-flower-lamps-by-hq-architects

Fonte: Hypeness

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,246,606SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Gêmeas celebram 100 anos com ensaio apaixonante e cheio de vida em Ibiraçu

As irmãs gêmeas Maria e Paulina completam 100 anos no próximo dia 24.

Startup em Uganda transforma resíduos plásticos em protetores faciais para hospitais

Através de uma iniciativa inovadora, uma startup de Uganda, na África, está transformando garrafas plásticas em protetores faciais para hospitais, também conhecidos como EPI...

Como seria estar por trás dos olhos de um autista?

"O autismo me prendeu dentro de um corpo que eu não posso controlar" - conheça a história de Carly Fleischmann, uma adolescente que aprendeu...

Aluna doa sapato e se ajoelha para calçar pés da coleguinha

"Eu queria fazer uma doação desse lindo sapato que é número 27 [pois] eu já estou calçando 28", disse a menininha.

Após ser filmado estudando em tablet de loja, menino ganha aparelho da Samsung

O vídeo do menino estudando na loja Samsung de um shopping em Recife emocionou milhares de internautas! Para ajudar a família, foi lançada uma vaquinha virtual.

Instagram