Mãe de advogado assassinado começa curso de direito aos 60 anos

Quase um ano depois da morte de seu filho, Luzia Sandes de Brito, mãe de Danilo Sandes, assassinado, em Araguaína (TO), por não participar de uma fraude que beneficiaria um cliente, ingressou no curso de direito – ela está no primeiro período.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Luzia seguirá os passos do filho, que aprendeu valores como honestidade e integridade com a mãe. Além de ingressar no curso de direito, ela manterá o escritório do filho funcionando. “Quando ele morreu eu comecei a pensar ‘e agora o que vai ser da minha vida?’ Ele estava ampliando este escritório, cheio de sonhos”, disse ela, em entrevista para o T1 Notícias.

RELACIONADO: Idosa de 80 anos realiza o sonho de ler e escrever em Goiás

Danilo estava com tudo pronto para inaugurar um escritório em Araguaína, um em Palmas e outro em Novo Repartimento (PA). Porém, seus sonhos e projetos não ficarão no papel, pelo contrário, garante Luzia, para quem o filho era um “amigo”, com quem fazia tudo junto.

mae-advogado-assassinado-curso-de-direito
Luzia levará adiante os sonhos e projetos do filho assassinado

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Então, eu tive a ideia de manter o escritório, dar continuidade aos sonhos e projetos de Danilo. Um deles era de trabalhar com advogados recém-formados, porque quando ele terminou a faculdade, encontrou quem lhe desse essa oportunidade.”

“Eu e Danilo éramos muito parceiros, ele morava comigo. Era mais que mãe e filho, éramos amigos, não fazíamos um negócio sem um combinar com o outro, saíamos para o trabalho juntos, voltávamos juntos, um contava com o outro em tudo”, relembra Luzia.

Na faculdade, a aluna de 60 anos de idade é tratada como todos os colegas de turma, que certamente admiram a guerreira que ela é. “Estou em uma sala com jovens, mas fui muito bem acolhida, me tratam muito bem, me tratam de igual para igual e isso me deixa muito tranquila”, afirma a futura advogada. “Os professores também me tratam muito bem, me veem como as outras acadêmicas e isso é muito bom.”

Com olhos lacrimejados e mirando para o céu, como quem procura pelo filho, Luzia deixa uma lição para todos nós:

Um sonho que se sonha junto – ainda mais entre mãe e filho – é forte como uma rocha, indestrutível!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foto: Reprodução/Ascom Araguaína – T1 Notícias

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,635,437SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menina surda se emociona após ser atendida em língua de sinais

Não é fácil viver em um mundo onde todos parecem sempre ignorar quem é diferente. Sejam essas pessoas com deficiência visual, auditiva ou qualquer...

Mulher se dedica a dar festas de aniversário para crianças de orfanatos nos EUA

“Muitas dessas crianças não sabem como é apagar uma velinha ou fazer um pedido”, disse a americana a um jornal local.

Funcionário do Starbucks leva café e comida à policiais que trabalhavam na área do atentado em NY

Pouco tempo depois do mundo saber sobre as bombas que atingiram a cidade de Nova Iorque, o site Knight News decidiu mandar um repórter...

Zico transforma os quilômetros que percorreu durante a carreira em doações para ONG

Um dos maiores jogadores da história do futebol continua batendo um bolão, mesmo após quase 30 anos de sua última partida profissional. Arthur Antunes...

Canal no YouTube se junta à corrente do bem para espalhar boas notícias

Quanto mais pessoas e projetos espalhando razões para acreditar por aí, melhor para o mundo! O Razões se enche de alegria ao ver iniciativas...

Instagram