Bate meta de vaquinha para mãe que improvisou andador de PVC para filha conseguir tratamento para a criança

Larinha tem 4 anos e nasceu com uma síndrome rara, chamada Pallister-Killian. Isso comprometeu o movimento das pernas, impossibilitando a bebê de andar. A mãe dela, Maria, improvisou um andador de PVC para ajudar Larinha a se locomover melhor.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ficamos muito comovidos com a história da Maria e da Larinha. Então lançamos uma vaquinha na Voaa para ajudar mãe e filha! E a resposta de vocês foi muito incrível! Conseguimos arrecadar todo o valor que elas precisam para investir no tratamento e em um andador ortopédico.

Outra história que vocês podem ajudar a transformar é do Iago. Ele sofreu um acidente de moto e ficou acamado desde então. Lançamos uma vaquinha para ajudar a família com tratamento e outras necessidades. Conheça essa história e contribua!

Mãe constrói andador para filha

Criança precisa de acompanhamento médico constante

A síndrome de Pallister-Killian causa ainda outras alterações no corpo. Além de não conseguir andar, Larinha também não fala, tem convulsões e sofre deficiência intelectual

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Isso faz com que ela precise de um acompanhamento médico constante. O andador que a Maria improvisou, por exemplo, é um dos cuidados que ela precisa. O mais indicado é que Larinha tenha um andador ortopédico, pois além de permitir que ela ande com mais segurança, ainda exercita todo o corpo, evitando atrofias.

Mãe constrói andador para filha

Infelizmente Maria não tem condições financeiras de custear todo o tratamento para Larinha. E foi por isso que resolvemos ajudá-la!

Vaquinha arrecada R$ 30 mil

Vocês não decepcionam nunca! Com a ajuda das doações, conseguimos bater a meta de R$ 30 mil para a Maria e a Larinha!

O valor arrecadado com a vaquinha será destinado para Maria comprar um andador, no modelo que Larinha precisa, além de custear parte do tratamento.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Elas estão muito felizes e já ficamos na espera para o andador novo chegar e vermos Larinha caminhando muito mais segura e confortável!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Selo Conteúdo Original Razões para Acreditar

Seguimos Acreditando!

A equipe da VOAA apura todas as vaquinhas publicadas na plataforma. Acompanhamos as histórias antes, durante e após finalizar as campanhas em nossas redes sociais.

[Nota da Redação]

O Samuel usou as redes sociais para salvar a lanchonete do pai da falência. Ele ainda reinventou o cardápio da Açaí do Careca e cadastrou a lanchonete numa plataforma de delivery.

E para celebrar esse amor entre pai e filho, a Pif Paf Alimentos em parceria com o Razões Para Acreditar preparou uma Ceia de Natal surpresa, para o Samuel e o Marlúcio.

Preparem os lencinhos! ❤️

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,847,081SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Para combater a pandemia no Rio, ONG criada por Sean Penn doará R$ 10 milhões

A ONG Core, criada pelo ator norte-americano Sean Penn, irá doar cerca de R$ 10 milhões para ajudar a cidade do Rio de Janeiro...

Professor usa blocos de LEGO para ensinar matemática para crianças de forma bastante simples

Blocos de LEGO são comumente usados para construir estruturas coloridas, mas eles também podem efetivamente ajudar crianças com suas habilidades em matemática. De acordo com...

Lanchonete desenha Bob Esponja na caixa do pedido para atender cliente: “Acha que vem do Siri Cascudo”

"Você pode ser o que você quiser se tiver imaginação". Como diria o próprio Bob Esponja, tudo pode ser o que quisermos. Marquinhos, um...

Pai fotógrafo faz seu filho com Síndrome de Down voar em um projeto emocionante

Todo mundo quer voar, especialmente as crianças. E ‘Wil Can fly’ é um projeto muito especial sobre um menino voador. Wil (William) é o quinto...

“Eu fui de uma sem-teto à dona da minha empresa de maquiagem com foco na cultura indígena”

Eu cresci em uma fazenda de uma pequena cidade fora de Yuma, no Arizona. Eu sou a mais velha de quatro irmão e nossa...

Instagram