Mãe que deu à luz enquanto estava internada com COVID-19 chama enfermeira para ser madrinha de seu bebê

Em tempos de pandemia, os profissionais de saúde nunca foram tão enaltecidos, afinal, eles merecem! E para mostrar a importância da gratidão à estas pessoas que arriscam suas vidas por nós, Monique Jones, que deu à luz enquanto estava internada com COVID-19, decidiu chamar a enfermeira que cuidou dela para ser madrinha de seu bebê. 🥰

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

enfermeira covid madrinha 3
Foto: GMA

Jones vive na cidade de Ferguson, em Missouri – Estados Unidos, e passou por uma situação complicada. Após testar positivo, ela começou a enfrentar problemas durante a gravidez e se viu obrigada a realizar um parto de emergência. A pequena Zamyrah nasceu de 29 semanas no dia 23 de setembro pesando pouco mais de 1 quilo.

enfermeira covid madrinha 2
Foto: GMA

Em entrevista ela explicou que começou a sentir sintomas comuns do COVID-19, como calafrios e falta de ar, mas que em poucos dias piorou e precisou ser entubada. Foi a enfermeira Caitlyn Obrock que passou a maior parte do tempo com ela. “Ela estava com medo. Eu investi muito nela, esperando e orando por um bom resultado”, relembra.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

enfermeira covid madrinha 1
Foto: GMA

Obrock disse que não costuma manter muito contato com seus pacientes, mas que desde o início sentiu uma conexão especial com Jones. Logo depois do parto de emergência, ela inclusive organizou uma vaquinha e conseguiu arrecadar mais de US $ 2.000 em presentes para a bebê.

“Foi para aumentar sua moral. A forma como ela começou a maternidade com este bebê foi injusta e queríamos que ela soubesse o quão especial e amada ela é”, afirma a enfermeira.

Depois que Zamyrah nasceu, ela precisou ser transferida para a unidade de terapia intensiva neonatal do St. Louis Children’s Hospital, onde permaneceu até o dia 10 de dezembro. “Era possível que ela não vivesse – era só isso que eu estava pensands. Eles me perguntaram se era possível tirar meu bebê. No começo eu disse que não, mas não estava melhorando”, explicou a mãe.

Verdadeiro milagre de natal, Monique deve tudo à esta enfermeira dedicada, que não somente cuidou dela e de sua filha, como fez de tudo para que Zamyrah tivesse um início de vida normal. “Ela é um milagre. Ela e seu bebê”, disse a enfermeira, que irá permanecer para sempre na vida desta família, mas desta vez como madrinha e amiga.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Felizmente, hoje a bebê está com boa saúde e pôde voltar para casa, junto de seus pais e da irmã mais velha Damiea. E os profissionais de saúde merecem todas as homenagens do mundo!

Fonte: Tanksgoodnews

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,425,269SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mesmo sem ter as duas mãos, menina vence concurso de caligrafia nos EUA

Disseram que Anaya Ellick não conseguiria, mas ela sagrou-se bicampeã do concurso de caligrafia cursiva!

Pedreira caprichosa de SP viraliza com trabalho detalhista e ganha novos clientes

Um monte de gente quer contratar Lia após ela viralizar com trabalho caprichoso e detalhista.

Mesmo com apenas 9 meses, esse bebê mostra total desenvoltura ao praticar bodyboard com o pai

Um bebê de apensas nove meses de idade, foi levado a experimentar as sensações incríveis que só as ondas do mar podem proporcionar. Seu...

Campanha reúne histórias de professores que marcaram a vida de seus alunos

Iniciativa da startup social A+ Educação vai selecionar 24 histórias enviadas por pessoas impactadas por professores em todo o mundo

Instagram