Mães criam cartões hilários para falar verdades sobre a materidade

As mães Esti Zilber e Becky Feiner de Sydney, ambas da Austrália e com dois filhos cada, criaram a coleção de cartões “Mum’s Milestones – A Celebration of Survival” (Mães do milênio – uma celebração à sobrevivência, em tradução livre).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nestes cards, apenas frases verdadeiras e engraçadas sobre a maternidade e paternidade. Algo para que os pais sintam-se representados e saibam que não estão sozinhos. E também uma forme bem humorada de mostrar a verdade aos futuros papais, longe do romantismo exacerbado da internet.

A dupla começou o projeto depois de muitas conversas sobre fraldas sujas, noites sem dormir e mudanças em partes do corpo que não estão presentes em nenhum produto voltado aos pais.

https---blueprint-api-production.s3.amazonaws.com-uploads-card-image-140657-duo-mums

“Estávamos passando muito tempo junto com novas mães, pensando em como as coisas que estávamos vivendo não estavam refletidas nos produtos lá fora, e o que estava sendo publicado em mídias sociais”, disse Zilber em entrevista ao Mashable. “Ninguém estava realmente reconhecendo o que as mães passam”, acrescentou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Lançado em março, muitos dos cartões foram concebidos no meio da noite por Feiner, uma diretora de arte de publicidade, que acolheu um recém-nascido em janeiro. Cada um dos temas do cartão foi retirado de experiências da vida real da dupla.

“Eu acho que em um momento quando você está privado de sono e seus hormônios estão loucos, esse tipo de coisa é esmagadora ou hilariante. É uma boa oportunidade para deixar que outras mães saibam que não estão passando por isso sozinhas”, comentou Zilber.

Uma parte dos lucros do cartão será destinada ao PANDA, uma instituição que auxilia mães em momentos de ansiedade e depressão.

“É importante reconhecer nem tudo são rosas na maternidade, e que nem sempre é fácil pedir a ajuda que precisa”, explica. “Quando você é mãe pela primeira vez, você está tão focado no bebê que às vezes se esqueça de se colocar em primeiro lugar.”

Acima de tudo, os cartões são uma alternativa para os excessos típicos de presentes para o bebê.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eu acho que às vezes é melhor dar algo para a mãe. É uma boa maneira de se destacar na multidão nesses chás de bebê chatos”, disse Zilber.

“Hoje eu fui sozinha ao banheiro…”

1-130ZH10F2E5_1024x1024

“Consegui passar minha calça jeans skinny até metade das minhas pernas”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

IMG_9447_2_1024x1024

“Nós fizemos isso pela primeira vez.”

IMG_9489_Final_1024x1024

“Eu não conversei sobre os movimentos do meu bebê oo dia todo”.

IMG_9492_1024x1024

“Eu já trato o farmacêutico pelo primeiro nome”.

IMG_9555_bccdecac-10f2-434d-9855-37ed55b7de0b_1024x1024

“Eu só levantei 5 vezes na noite passada”.

IMG_9956_1024x1024

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,425,269SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Creche pública da periferia de SP tem ioga e massagem para as crianças

Localizada na Zona Norte de São Paulo, em uma área cercada por favelas, o Centro de Educação Infantil Lar de Crianças Ananda Marga tem...

Torcida chilena limpa arquibancadas e banheiros do estádio da Chapecoense

É apenas o primeiro jogo do La Calera na Copa Sul-Americana e o melhor cartão de visita foi a atitude da sua torcida.

Projeto desenvolve ações para facilitar a vida das pessoas no seu cotidiano

Criado pela Mercur, em Santa Cruz do Sul/RS, o projeto Diversidade na Rua tem por objetivo construir soluções que facilitem a vida das pessoas...

Grupo de gesseiros doa 100% de pagamento recebido para comprar cadeira de rodas para colega

Ontem (21 de Fevereiro), um homem chamado Cássius Borges fez uma postagem no Facebook que achamos tão incrível, que decidimos compartilhar com vocês. Ele...

Família é surpreendida com carta do Banco do Brasil após solicitar cartão para o filho adotivo

O casal Talita Militão, 39 anos, e Rafael Salvador, 37 anos, de Petrópolis, Rio de Janeiro, entraram em contato com o Banco do Brasil...

Instagram