Mais oportunidades: detento é medalhista na Olimpíada Brasileira de Matemática

O preconceito enraizado de toda a sociedade contra pessoas presas impede a gente de enxergar o potencial que cada uma delas carrega. Não deveria ser assim, afinal, tudo o que elas menos precisam para se regenerar é a nossa descrença. Precisam, sim, é de oportunidades e estímulo para desenvolver suas melhores qualidades – que todos nós temos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O mineiro Wesley Lopes, 20 anos, ilustra bem isso. Preso desde 2013, condenado a uma pena de 4 anos e 10 meses de reclusão, o rapaz, filho de uma ajudante de cozinha, conquistou a medalha de bronze da edição de 2015 da Olimpíada Brasileira de Matemática (Obmep), que teve 18 milhões de estudantes inscritos.

Wesley recebeu a notícia por meio de duas cartas enviadas à Penintenciária de Muriaé: uma para a direção da escola da unidade prisional e outra para ele. Ambas parabenizavam Wesley pela conquista e faziam um convite para que o rapaz participasse do Programa de Iniciação Científica Júnior da Obmep, destinado aos medalhistas de ouro, prata e bronze.

O curso é uma espécie de aprofundamento em Matemática a partir de discussões em fóruns a distância, com um encontro presencial por mês e a participação de professores de algumas das melhores universidades do país. Além do mais, o programa oferece uma bolsa mensal de R$ 100: valor padrão em programas de iniciação científica júnior.

Wesley foi preso pouco depois de completar 18 anos e havia abandonado a escola quando estava na 7ª série, quatro anos antes. “Desanimei por que não via futuro nos estudos. Não acreditava que poderia melhorar minha vida”, desabafa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O caso do rapaz será examinado pela Justiça, pois Wesley precisará de acesso à internet e uma conta de e-mail, normalmente negado aos presos, para poder participar do programa da Obmep. A data limite para a inscrição é até o fim de fevereiro. Que o bom senso prevaleça.

via [GUIA MURIAÉ]

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM








Mais oportunidades: detento é medalhista na Olimpíada Brasileira de Matemática 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
5,144,388SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Uma escola com aulas e cursos para se abastecer da sabedoria de idosos

Lembra quando todo nosso aprendizado e inspirações vinham dos mais velhos? Hoje essas ligações entre gerações têm se perdido. Foi com base nessa história...

Após um ano de luta contra câncer no cérebro, menino de 6 anos comemora última quimioterapia

Heber Antonio é um garotinho mexicano de apenas 6 anos que precisou se submeter a diversas rodadas de quimioterapia para vencer um câncer no...

Após segurar cartaz em semáforo (e ser ridicularizado), homem consegue emprego em Palmas

O que um pai de família, com dois filhos - um de 9 anos e um de 12, desempregado, com várias contas atrasadas e...

Hospital particular atende vítimas de tragédia na escola de Suzano gratuitamente

O Hospital Santa Maria atendeu prontamente 7 pessoas feridas na tragédia.

A ponto de quase se separar, casal gay adota bebê abandonado em metrô de Nova York

Eram por volta das 20h do dia 28 de agosto de 2000 quando Danny Stewart encontrou um bebê enrolado em um moletom no metrô...

Instagram

Mais oportunidades: detento é medalhista na Olimpíada Brasileira de Matemática 4