Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros

Segundo o Google, “Pintier”, “Hot Vaile”, “Pudol” e “Yorkshine” são alguns dos termos mais buscados por pessoas que desejam adotar um cãozinho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pensando nisso, a ONG Clube dos Vira-Latas, numa parceria com a marca de rações para cachorros Güd criaram o Busca Dogues, projeto que visa chamar atenção para a importância de se adotar cães vira-latas que ainda não possuem um lar.

À primeira vista, a ideia é antagônica, mas foi uma ótima sacada. Tudo o que o projeto faz é brincar com o fato das pessoas buscarem por cães de raça com a grafia errada. E daí surge a oportunidade.

Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros

O site explica a estratégia: “sempre que alguém buscar por alguma raça e vacilar na digitação, um vira-lata tem chances de ser visto e adotado”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Segundo Claudia Demarchi, presidente da ONG Clube dos Vira-Latas, tudo começou há dois meses, quando a entidade buscava maneiras de acelerar a adoção dos 600 cachorros que moram no abrigo atualmente.

Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros

Assim, sempre que alguém buscar por um cão de raça com a grafia errada, o Busca Dogues maneja um anúncio patrocinado, oferecendo um cachorrinho simpático e fofinho.

Quando o usuário clica no anúncio, é redirecionado para o site da ONG, onde descobre que o termo digitado foi usado para conectar ele à um vira-lata resgatado e cuidado pela entidade.

Leia tambémSkatista fica nervoso ao levar mordida de cachorro, pede desculpas e sua atitude viraliza

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A dupla por trás do projeto é Rafael Miessi (redator) e Mica Moran (diretor artístico). Eles contam que a ideia partiu de um fato muito simples: “Escrever nome de algumas raças é muito complicado. Foi aí que vimos a oportunidade para falar de um assunto relevante para a marca, a adoção de vira-latas”, contam.

Esperamos que muitos “Pintiers”, “Hot Vailes” e “Pudols” sejam adotados!

Leia tambémProjeto incentiva a recolocação no mercado de trabalho para pessoas com mais de 50 anos

[Nota da Redação]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Projeto abre vagas para pessoas com mais de 50 anos voltarem ao mercado de trabalho. Assista o vídeo:

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: B9
Fotos: Reprodução / Güd

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,983,904SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Clínicas Móveis desafogam filas do SUS e viram alternativa para combater o coronavírus

Diante da pandemia de coronavírus, o Ministério da Saúde tem feito uma série de recomendações para os brasileiros se prevenirem e evitarem aglomerações. Para conseguir...

20 fotos que provam que a lealdade canina é uma das coisas mais fortes que existe

O cachorro é o melhor amigo do homem. As fotos a seguir trazem histórias que confirmam o velho ditado. E, muito provavelmente, depois de...

Jovem com paralisia cerebral se emociona com irmã recém-nascida no colo; assista

O vídeo de um adolescente de 15 anos se emocionando ao pegar a irmã recém-nascida pela primeira vez no colo causou comoção nas redes...

Alberto viajou 1.300 km para surpreender Paulo com pedido de casamento na praia: ‘Acreditem no amor’

O professor de dança Paulo Henrique Oliveira, 29 anos, moveu montanhas para viajar quase 1.300 km, de Campo Grande (MS) à Florianópolis (SC), para...

‘Cidades Inteligentes’ une arte e comunidade para transformar passarela de SP

A passarela que passa sobre a linha 8 Diamante da CPTM, no bairro Água Branca, vai ganhar uma nova cara com assinatura do grafiteiro Enivo e de jovens participantes do projeto.

Instagram

Empresa de ração incentiva adoção de vira-latas com nomes errados de raças de cachorros 3